OBSERVATÓRIO | 25 de Julho. Dia do Motorista
862
post-template-default,single,single-post,postid-862,single-format-standard,ajax_fade,page_not_loaded,,hide_top_bar_on_mobile_header,qode-theme-ver-10.1.1,wpb-js-composer js-comp-ver-5.0.1,vc_responsive

25 de Julho. Dia do Motorista

25 de Julho. Dia do Motorista


25 de Julho. Dia do Motorista

O Brasil vive um momento muito importante onde a sociedade exige uma responsabilidade, transparência e princípios morais de nossos Governos. Diante desse cenário, o Observatório Nacional de Segurança Viária gostaria de propor uma reflexão para esta data, o dia do MOTORISTA.

Durante o decorrer do dia, desempenhamos vários papéis:

·         Pais – quando cuidamos dos filhos

·         Inquilino – quando pagamos o aluguel

·         Contribuinte – quando pagamos os impostos

·         Trabalhador – quando saímos de casa para buscar o sustento da família

E, muitas vezes nesses momentos somos todos MOTORISTAS, pois muitos utilizam um carro para se locomover.

Quando assumimos a maioria desses papéis, o fazemos de forma natural, sem perceber. E, dessas atividades corriqueiras, dirigir um veículo talvez seja a que requer maior atenção e envolva riscos a toda a sociedade.

Em algum momento de nossas vidas procuramos uma autoescola (hoje CFC – Centro de Formação de Condutores), estudamos, fazemos algumas provas e conquistamos a tão sonhada CNH (Carteira Nacional de Habilitação), que para muitos é também um sinônimo de liberdade. Diante disso deveríamos toda vez que fossemos conduzir um veículo, assumir a responsabilidade pelo ato, por todos que estão conosco e a nossa volta.

O OBSERVATÓRIO Nacional de Segurança Viária gostaria que algumas práticas fossem inseridas ao ato “mecânico” de dirigir e, assim, tornar o transito mais seguro e você um motorista responsável:

·         Concentre-se quando estiver dirigindo

·         Dê seta avisando com antecedência sua intenção

·         Dê preferência aos pedestres

·         Respeite os limites de velocidade

·         Use o cinto de segurança

·         Não dirija falando ao celular

·         Não beba se for dirigir

·         Seja responsável pelos ocupantes do veículo – todos com o cinto de segurança

·         Seja educado

·         SORRIA

Motorista, não devemos ter simplesmente uma atitude segura (que é a intenção), devemos ter um comportamento seguro (que é a ação). E lembre-se “você pode e deve fazer mais por um trânsito seguro”, todos os dias.

Parabéns Motorista!!!

 

Daniela Gurgel, Assessora de Comunicação
Observatório Nacional de Segurança Viária

Sem comentários

Escreva um comentário