OBSERVATÓRIO | Ser gentil no trânsito é fazer a melhor escolha
8850
post-template-default,single,single-post,postid-8850,single-format-standard,ajax_fade,page_not_loaded,,hide_top_bar_on_mobile_header,qode-theme-ver-10.1.1,wpb-js-composer js-comp-ver-5.0.1,vc_responsive

Ser gentil no trânsito é fazer a melhor escolha

Ser gentil no trânsito é fazer a melhor escolha

Mesmo se estiver ‘em cima’ do horário, em engarrafamentos, ou situações que favoreçam o descontrole, manter a calma é o primeiro passo para a garantia da segurança

O trânsito, todos nós sabemos, é um espaço compartilhado que, portanto, deve ser dividido entre condutores de veículos, motociclistas, ciclistas e pedestres. Não raro, os conflitos decorrentes dessa divisão são presenciados, envolvendo todos os grupos que transitam pelas vias. Não raro, também, esses conflitos terminam em graves ocorrências.

Qualquer pessoa quando sai de sua casa para cumprir qualquer trajeto tem como meta chegar ao final dele. É pouco provável que alguém saia disposto a enfrentar, ou iniciar, brigas ou discussões, que podem resultar em acidentes, por exemplo.

Para evitar que isso ocorra, a gentileza no trânsito é fundamental. Mesmo se estiver ‘em cima’ do horário, em engarrafamentos, ou situações que favoreçam o descontrole, manter a calma é o primeiro passo para a garantia da segurança; é a escolha que pode fazer a diferença no trânsito.

Por defender essa postura, a da paz no trânsito, o OBSERVATÓRIO Nacional de Segurança Viária, indica alguns comportamentos para as pessoas que querem fazer a diferença no trânsito.

Confira:

  • Se desculpar por eventuais falhas ou erros.
  • Dar passagem a outro veículo ou a motocicletas.
  • Verificar os retrovisores e sinalizar antes de qualquer manobra.
  • Sinalizar com o pisca-alerta em casos de paradas abruptas.
  • Usar o farol mesmo durante o dia para se tornar mais visível.
  • Estacionar corretamente, sem invadir o espaço alheio ou prejudicar o trânsito.
  • Saber ser tolerante e ceder passagem a outros motoristas que desejam trocar de faixa ou acessar a via.
  • Respeitar a faixa de pedestres.
  • Não se envolver em discussões.

 

 

Sem comentários

Escreva um comentário