Notícias

“MULTA NÃO É TAXA NEM IMPOSTO, É UMA INFRAÇÃO” ENFATIZA DIRETOR DO OBSERVATÓRIO NA RÁDIO BRASIL CAMPINAS

Escrito por Laço Amarelo

13 ABR 2021 - 17H03

Em entrevista ao Jornal Brasil Agora 1ª edição, da Rádio Brasil Campinas, o diretor-presidente do OBSERVATÓRIO Nacional de Segurança Viária, José Aurelio Ramalho, falou sobre as mudanças no Código de Trânsito Brasileiro que entraram em vigor ontem (12).

Ramalho destacou uma das alterações que considera mais importante, com impacto direto na vida das pessoas, a substituição de penas restritivas de liberdade por penas restritivas de direito, ou seja, quando um condutor causava um acidente ferindo gravemente ou matando alguém estando embriagado, mesmo sem intenção de cometer o crime, anteriormente, a pena poderia ser substituída por prestação de serviços comunitários ou entrega de cestas básicas. Com a alteração na Lei, a pena restritiva de liberdade não poderá ser substituída. O condutor que causar morte ou lesões graves no trânsito será preso sem possibilidade de substituição da pena.

O diretor-presidente do OBSERVATÓRIO também explicou sobre as mudanças na regra do uso da cadeirinha, renovação e o aumento no limite de pontos estabelecidos para suspensão da CNH (Carteira Nacional de Habilitação). Em relação à mudança em geral, Ramalho avaliou como positiva a mudança.

“A gente tem que mudar a cultura da questão da multa. A multa não é uma taxa e nem um imposto, multa é infração. Então, quando chega uma multa na casa da gente, a gente trata aquilo como se fosse uma taxa ou imposto. Não é, é uma infração. Eu cometi um erro e eu tenho que pagar por ele”, enfatizou Ramalho.

Ouça a entrevista completa em: https://brasilcampinas.com.br/multa-nao-e-taxa-nem-imposto-e-uma-infracao-diz-jose-aurelio-ramalho.html

Garbuio_transportes_renova_adesao_ao_programa_empresa_laco_amarelo
Renovação

Garbuio Transportadora renova adesão ao programa Empresa Laço Amarelo

A Transportadora Garbuio, empresa há mais de 50 anos na estrada, renova pelo segundo ano seguido a parceria com o OBSERVATÓRIO Nacional de Segurança Viária, por meio do programa Empresa Laço Amarelo e reforça o compromisso em prol da conscientização e segurança para o trânsito brasileiro. O gerente de Segurança da Garbuio, Rafael Lopes, fala no vídeo sobre a importância da adesão ao programa Laço Amarelo, os impactos positivos parceria e os desafios diários pela paz no trânsito.

IntercementBrasil_adere_ao_programa_empresa_laco_amarelo
Adesão

InterCement Brasil adere ao programa Empresa Laço Amarelo

A InterCement Brasil, uma das maiores fabricantes de cimento do País, tendo iniciado suas operações no Brasil em 1974, firma parceria com o OBSERVATÓRIO Nacional de Segurança Viária, por meio do programa Empresa Laço Amarelo, reforçando o seu compromisso com a cultura da segurança no trânsito brasileiro.

Sindseg_SC_promove_diversas_acoes_em_apoio_ao_movimento_maio_amarelo
Notícias

Sindseg SC promove diversas ações em apoio ao Movimento Maio Amarelo

O Sindseg SC (Sindicato das Seguradoras Previdência e Capitalização de Santa Catarina), uma entidade integrante do programa Laço Amarelo, integra a comissão organizadora do Movimento Maio Amarelo em Blumenau, e contabilizou mais de 30 atividades, durante o mês de maio, para estimular a sociedade a praticar a paz no comportamento diário, seja andando, pedalando, dirigindo ou usando o transporte público.

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Reportar erro!

Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou de uma informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Laço Amarelo, em Notícias

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.