Notícias

Renault do Brasil adere ao Programa Laço Amarelo

Escrito por Laço Amarelo

13 MAI 2021 - 16H29

  • Criado pelo OBSERVATÓRIO Nacional de Segurança Viária, o programa busca sensibilizar para reduzir o número de acidentes e contribuir para um trânsito mais seguro
  • Objetivo do programa é expandir a comunicação de comportamentos seguros e iniciativas de segurança viária de forma permanente ao longo do ano
  • Iniciativa reforça o compromisso da Renault com a segurança no trânsito, um dos focos de trabalho do Instituto Renault 

A Renault do Brasil, por meio do Instituto Renault, aderiu ao Programa Laço Amarelo, uma iniciativa criada pelo OBSERVATÓRIO Nacional de Segurança Viária (ONSV), que tem o objetivo de sensibilizar para reduzir o número de acidentes de trânsito no Brasil. Com isso, a Renault do Brasil e o Instituto Renault reforçam o seu compromisso com segurança por meio de programas e propostas que educam e conscientizam a sociedade sobre uma convivência segura no trânsito.

De acordo com José Aurélio Ramalho, diretor-presidente do ONSV, "a adesão da Renault ao programa Laço Amarelo demonstra a responsabilidade social da marca alinhada com o chamamento mundial da ONU e OMS para redução do número de acidentes de trânsito que matam e machucam tantas pessoas não só no Brasil, como também no mundo. Bem-vinda Renault".

O Programa Laço Amarelo é um desdobramento do Movimento Maio Amarelo, criado pelo ONSV, que busca expandir a comunicação de iniciativas de segurança viária nos outros meses do ano, conscientizando a população por meio de conteúdos desenvolvidos por especialistas do OBSERVATÓRIO.

“Com essa adesão, a Renault do Brasil reforça seu compromisso com ações concretas de educação para a segurança no trânsito, ampliando suas iniciativas para construir uma convivência mais harmoniosa entre os diferentes modais de transporte”, explica Caique Ferreira, vice-presidente do Instituto Renault e diretor de Comunicação da Renault do Brasil.

A adesão ao programa soma-se à outras iniciativas do Instituto Renault, como o programa O Trânsito e Eu, realizado desde 2012 no Brasil, e que busca sensibilizar as crianças para a convivência segura no trânsito, contribuindo para a construção da cidadania. O programa global do Renault Group já beneficiou mais de 15 milhões de crianças e jovens em 35 países. No Brasil, mais de 260 mil alunos já participaram do programa, em oito municípios brasileiros que mantém atividades permanentes e em ações itinerantes.

Dentre os materiais do programa O Trânsito e Eu disponibilizados, estão cartilhas, jogos e atividades com realidade virtual, que podem ser acessados por tablet ou celulares, permitindo um aprendizado lúdico, bem como ações contínuas ou itinerantes das minicidades. Essas estruturas transportam as crianças para uma vivência prática sobre cidadania, segurança no trânsito, mobilidade urbana, sustentabilidade e respeito às diferenças.

Sobre o Instituto Renault

Fundado em 2010, o Instituto Renault já impactou mais de 755 mil pessoas, atuando em dois eixos: Inclusão e Mobilidade Sustentável.

No eixo Inclusão, o Instituto Renault apoia a Associação Borda Viva, para promoção do desenvolvimento social, da segurança alimentar para crianças e do empoderamento feminino por meio do empreendedorismo e da geração de renda.  O Instituto também promove o Renault Experience, projeto que tem como objetivo estimular o empreendedorismo e a inovação entre universitários de todo o país na busca por soluções que facilitem o dia a dia da sociedade. Desde 2018, além da categoria Soluções de Mobilidade, foram criadas duas novas:  Negócios Sociais e Desafio Twizy.

No eixo Mobilidade Sustentável, destaque para o Programa “O Trânsito e Eu”, de educação para segurança no trânsito, presente de forma permanente em oito municípios do país: Curitiba, São José dos Pinhais, Maringá e Arapongas, no Paraná; Pelotas (RS); além das cidades paulistas de São Bernardo do Campo, Santa Bárbara d’Oeste e São Paulo, capital. O programa também desenvolve ações itinerantes em parques, shoppings e eventos. Cerca de 200 mil crianças de 4 mil escolas pelo Brasil já foram impactadas pela iniciativa e mais de 5 mil professores passaram pela formação.
No mesmo eixo, a Renault já comercializou cerca de 300 veículos 100% elétricos no Brasil a empresas que possuem projetos relacionados à mobilidade zero emissão.

Conheça mais sobre o Instituto Renault: www.institutorenault.com.br/

Conheça mais sobre o OBSERVATÓRIO Nacional de Segurança Viária: www.onsv.org.br

Garbuio_transportes_renova_adesao_ao_programa_empresa_laco_amarelo
Renovação

Garbuio Transportadora renova adesão ao programa Empresa Laço Amarelo

A Transportadora Garbuio, empresa há mais de 50 anos na estrada, renova pelo segundo ano seguido a parceria com o OBSERVATÓRIO Nacional de Segurança Viária, por meio do programa Empresa Laço Amarelo e reforça o compromisso em prol da conscientização e segurança para o trânsito brasileiro. O gerente de Segurança da Garbuio, Rafael Lopes, fala no vídeo sobre a importância da adesão ao programa Laço Amarelo, os impactos positivos parceria e os desafios diários pela paz no trânsito.

IntercementBrasil_adere_ao_programa_empresa_laco_amarelo
Adesão

InterCement Brasil adere ao programa Empresa Laço Amarelo

A InterCement Brasil, uma das maiores fabricantes de cimento do País, tendo iniciado suas operações no Brasil em 1974, firma parceria com o OBSERVATÓRIO Nacional de Segurança Viária, por meio do programa Empresa Laço Amarelo, reforçando o seu compromisso com a cultura da segurança no trânsito brasileiro.

Sindseg_SC_promove_diversas_acoes_em_apoio_ao_movimento_maio_amarelo
Notícias

Sindseg SC promove diversas ações em apoio ao Movimento Maio Amarelo

O Sindseg SC (Sindicato das Seguradoras Previdência e Capitalização de Santa Catarina), uma entidade integrante do programa Laço Amarelo, integra a comissão organizadora do Movimento Maio Amarelo em Blumenau, e contabilizou mais de 30 atividades, durante o mês de maio, para estimular a sociedade a praticar a paz no comportamento diário, seja andando, pedalando, dirigindo ou usando o transporte público.

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Reportar erro!

Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou de uma informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Laço Amarelo, em Notícias

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.