OBSERVATÓRIO | ABRAPSIT promove o Maio Amarelo junto aos caminhoneiros
24492
post-template-default,single,single-post,postid-24492,single-format-standard,ajax_fade,page_not_loaded,,hide_top_bar_on_mobile_header,qode-theme-ver-10.1.1,hide_inital_sticky,wpb-js-composer js-comp-ver-5.0.1,vc_responsive

ABRAPSIT promove o Maio Amarelo junto aos caminhoneiros

ABRAPSIT promove o Maio Amarelo junto aos caminhoneiros

A ABRAPSIT (Associação Brasileira de Psicologia de Tráfego) escolheu os caminhoneiros de todo país para promover o Movimento Maio Amarelo 2020 dentro do projeto “Abrapsit nas rotas da saúde – O seu bem estar passa por aqui”. Durante este mês e junho, os profissionais da entidade estarão desenvolvendo uma ação de cuidados psicológicos para quem está na estrada, mesmo em tempos de isolamento social.

A associação reúne profissionais e estudantes de psicologia para promover o desenvolvimento técnico-científico do exercício profissional na área de tráfego, mobilidade e circulação humana em todos os modais: terrestre, aéreo, marítimo e aquaviário. Durante os meses de maio e junho o projeto será focado no acolhimento de caminhoneiros que estão desenvolvendo serviços essenciais para a população e, enfrentando dificuldades emocionais, devido a todas essas dificuldades causadas pela pandemia do coronavírus.

Por meio de uma rede de psicólogos em todo país, o acolhimento on-line será feito de forma voluntária e gratuita, em que os condutores serão orientados sobre procedimentos de saúde física e emocional. A ABRAPSIT pretende ampliar gradualmente o atendimento, para outras categorias de profissionais do volante, além de desenvolver conteúdo acadêmico embasado na ação, com dados reais da população, sua condição de saúde e comportamentos de risco e prevenção.

O OBSERVATÓRIO Nacional de Segurança Viária apoia o projeto “Abrapsit nas rotas da saúde” e estuda a assinatura de um ACT (Acordo de Cooperação Técnico) junto a Associação para o desenvolvimento de outros trabalhos em prol da segurança viária.

1Comentário

Escreva um comentário