OBSERVATÓRIO | Ação para o Maio Amarelo garante prêmio do DENATRAN à Agência Atua
7725
post-template-default,single,single-post,postid-7725,single-format-standard,ajax_fade,page_not_loaded,,hide_top_bar_on_mobile_header,qode-theme-ver-10.1.1,wpb-js-composer js-comp-ver-5.0.1,vc_responsive

Ação para o Maio Amarelo garante prêmio do DENATRAN à Agência Atua

Ação para o Maio Amarelo garante prêmio do DENATRAN à Agência Atua

faculdade-maioCampanha propôs aos estudantes de engenharia da Facens a resolução de cálculos matemáticos que tiveram a questão de mortes no trânsito como foco

 Campanha produzida pela Agência Atua para a edição de 2015 do Movimento Maio Amarelo conquistou o primeiro lugar na categoria Campanhas/Peças Educativas, no XV Prêmio DENATAN. Desenvolvida para a Faculdade de Engenharia de Sorocaba (FACENS) a peça foi voltada a jovens universitários para conscientização sobre os riscos da imprudência ao volante (e a relação desse comportamento com o alto número de mortos e feridos em acidentes de trânsito no Brasil).

Por tratar-se de uma ação voltada a estudantes de engenharia e de posse da informação que 41% dos mortos em acidentes de trânsito são jovens com idades de 15 a 34 anos, a Atua optou por uma abordagem diferenciada em seu material, que propôs na abordagem da questão, a realização de cálculos matemáticos. Nas redes sociais e nos canais de comunicação interna da Facens, entre os dias 20 e 28 de maio, foram feitas várias postagens que desafiaram os jovens a resolver testes baseados em situações reais de acidentes.

Por meio de equações de física e matemática, apresentadas de forma criativa, a ação teve o objetivo de estimular o raciocínio lógico dos participantes. No último dia de campanha, todos foram convidados a conhecer o resultado final dos desafios em um evento interativo, realizado no intervalo de aula do período noturno. Em vez de conhecer o resultado numérico das equações propostas, os alunos foram surpreendidos com um vídeo que apresentava depoimentos reais de pessoas já engajadas no movimento Maio Amarelo no Brasil.

Um dos idealizadores da ação, o publicitário Wesley Dias, que a desenvolveu juntamente com os colegas Kauan Lacerda, Tiago Rodrigues e Jéssica Bacaro, também da Atua Agência, considera a conquista como o reconhecimento a um trabalho que pretendeu chamar a atenção dos jovens de Sorocaba/SP e  da região para o fato de que não é preciso ser um gênio para perceber quando uma situação no trânsito pode se tornar um acidente.

Ele lembra que, evidentemente, podem ocorrer imprevistos, mas que a conscientização nunca é demais. “Afinal, grande parte dos alunos da faculdade é jovem, por isso mesmo possui pouco tempo de habilitação e está na faixa etária mais vulnerável aos acidentes de trânsito”,  pontua.

Confira:

Sem comentários

Escreva um comentário