OBSERVATÓRIO | Associação Paulista Viva utiliza materiais do Laço Amarelo em ações de conscientização e em suas redes sociais
24023
post-template-default,single,single-post,postid-24023,single-format-standard,ajax_fade,page_not_loaded,,hide_top_bar_on_mobile_header,qode-theme-ver-10.1.1,hide_inital_sticky,wpb-js-composer js-comp-ver-5.0.1,vc_responsive

Associação Paulista Viva utiliza materiais do Laço Amarelo em ações de conscientização e em suas redes sociais

Associação Paulista Viva utiliza materiais do Laço Amarelo em ações de conscientização e em suas redes sociais

Como Entidade Laço Amarelo do OBSERVATÓRIO Nacional de Segurança Viária, a Associação Paulista Viva contribui para a conscientização da sociedade para um trânsito mais seguro, através do apoio ao desenvolvimento de programas e projetos de educação para formar cidadãos e condutores com a percepção de risco que o trânsito apresenta.

Composta por um grupo de empresários preocupados em preservar a avenida mais famosa de São Paulo, a Associação Paulista Viva foi criada no final dos anos 1980, com o nome de Comissão Paulista Viva. Transformou-se mais tarde em Associação Paulista Viva, um movimento da sociedade civil determinado a trabalhar firme para melhorar a qualidade de vida da população que frequenta a avenida e suas redondezas, além de manter a Avenida Paulista como principal motivo de orgulho para os paulistanos.

A Associação Paulista Viva compartilha os materiais do Programa Laço Amarelo em seus canais, através de seus boletins informativos, fazendo a divulgação do conteúdo por meio de postagens das artes e vídeos produzidos pelo OBSERVATÓRIO, e engajando o público através das suas redes sociais (site/Instagram/Facebook).

O vice-presidente da Associação Paulista Viva, Antônio Carlos Franchini, falou sobre a participação no Programa Laço Amarelo e como utiliza os materiais desenvolvidos pelo OBSERVATÓRIO para promover a conscientização para um trânsito mais seguro, assim como, levar o tema da segurança viária para outros públicos.

“Nós somos parceiros do OBSERVATÓRIO de longa data, o trabalho que o Ramalho desenvolve certamente é um dos mais importantes trabalhos no que se refere à segurança viária pela qualidade técnica da informação, pelo excelente material de divulgação, pela preocupação da educação do trânsito e, na educação das pessoas no que se refere ao uso da bicicleta e a todos os aspectos de uma mobilidade urbana”, diz.

Segundo Antônio Carlos: “Nós, pela Paulista Viva, quando se discutia a questão por exemplo, das ciclovias, ciclofaixas, utilizamos muito o material que o OBSERVATÓRIO produziu, talvez um dos únicos materiais que nós tivemos conhecimento, pelo menos eu tive conhecimento”, e acrescenta: “onde explicava corretamente a forma de conduzir a bicicleta, da forma do motorista perceber o ciclista, como o pedestre também, em olhar e atender as questões de segurança referentes às ciclovias e ciclofaixas”, completa.

“A nossa participação, da Paulista Viva com o OBSERVATÓRIO tem acontecido de várias formas, nós já promovemos eventos juntos, todo o material que nos é encaminhado, é distribuído por toda a nossa rede e sempre que podemos, fazemos menção expressa de que o OBSERVATÓRIO é um dos mais importantes parceiros da Associação Paulista Viva. Como eu disse no início, é uma instituição consolidada, séria e que efetivamente, traz uma enorme contribuição para o tema da segurança urbana que vitimiza famílias e constrói um número vergonhoso de pessoas imobilizadas, acidentadas e óbitos também”, finaliza.

O Programa Laço Amarelo é uma forma de reconhecer boas ações e permitir que entidades, municípios e empresas colaborem ainda mais com projetos estruturados na busca por um trânsito mais seguro, junto ao seu público alvo, seguindo as normas determinadas pelo Contran (Conselho Nacional de Trânsito).

Saiba mais: http://lacoamarelo.org.br/index.php/quero-aderir/

Sem comentários

Escreva um comentário