OBSERVATÓRIO | Observatório atualiza dados da OMS sobre Trânsito e acidentes no Brasil
4522
post-template-default,single,single-post,postid-4522,single-format-standard,ajax_fade,page_not_loaded,,hide_top_bar_on_mobile_header,qode-theme-ver-10.1.1,wpb-js-composer js-comp-ver-5.0.1,vc_responsive

Observatório atualiza dados da OMS sobre Trânsito e acidentes no Brasil

Observatório atualiza dados da OMS sobre Trânsito e acidentes no Brasil

Material será disponibilizado na 2ª Conferência Global e no site Do ONSV

Para ver o folheto, clique aqui.

Quem visitar o stand do ONSV (Observatório Nacional de Segurança Viária), durante os dois dias da 2ª Conferência Global de Alto Nível em Segurança no Trânsito: Tempo de Resultados, em Brasília, e todo público interessado em dados sobre o cenário do trânsito no país, terão acesso a uma série de informações sobre a segurança viária que acabaram de ser atualizados pela entidade. Os dados são da OMS (Organização Mundial de Saúde) e serão importante documento de referência e consulta para os profissionais da área e toda a sociedade, além das delegações estrangeiras.

Todas essas informações poderão ser acessadas no próprio site do  OBSERVATÓRIO ou por meio de um folheto, que poderá ser adquirido no stand da entidade, na 2ª Conferência.

O documento do OBSERVATÓRIO traz, entre outros destaques, os dados do Brasil dentro do Relatório Global da OMS (Organização Mundial de Saúde), com abordagem da Estrutura Institucional do país, Informações sobre Vias e Mobilidade, sobre a Segurança Veicular ou da frota, com frota atualizada no primeiro semestre de 2015, os cuidados existentes no país em situações de pós-acidente e dados de mortes, destacando custos, taxas atuais e projeção para 2014.

O trabalho do OBSERVATÓRIO também contempla uma leitura sobre a legislação existentes nesta área como, por exemplo, se o país conta com leis voltadas para ampliação da segurança dos usuários da via, entre elas, a de limites de velocidade, proibição de uso de bebidas na direção, obrigatoriedade do cinto de segurança, do uso de cadeirinhas e de capacetes para usuários de motos.

Ainda nesta parte do documento, outros dados disponibilizados fazem referência às mortes por tipo de usuário da via, apresentam uma série histórica dos últimos 10 anos sobre a fatalidade no trânsito, incluindo projeção para 2014.

Além disso, o OBSERVATÓRIO divulga comparativos sobre mortes no período de 2003 e 2013, com mapas para facilitar a visualização.

Para aprofundar ainda mais o cenário do trânsito no país, a entidade publica neste documento, informações sobre população, frota, mortes, custos dos acidentes de trânsito e condições das rodovias em todo o país. As informações estão regionalizadas o que permite comparativos daqueles que acessarem o material.

De acordo com Paulo Guimarães, diretor-técnico do Observatório, a entidade quis oferecer um retrato sobre o cenário do trânsito e da segurança, principalmente, neste momento em que delegações de todo o mundo visitam o país na 2ª Conferência e estão em busca dessas informações. “Acreditamos que vamos facilitar o trabalho e pesquisa dos interessados”, afirmou.

Sem comentários

Escreva um comentário