OBSERVATÓRIO | Se for viajar neste feriado, lembre-se: “Minha escolha faz a diferença”
16787
post-template-default,single,single-post,postid-16787,single-format-standard,ajax_fade,page_not_loaded,,hide_top_bar_on_mobile_header,qode-theme-ver-10.1.1,wpb-js-composer js-comp-ver-5.0.1,vc_responsive

Se for viajar neste feriado, lembre-se: “Minha escolha faz a diferença”

Se for viajar neste feriado, lembre-se: “Minha escolha faz a diferença”

Viagens noturnas requerem do condutor do veículo atenção quanto a visibilidade e que esteja descansado

Mais um feriado prolongado. Se deixou para viajar desta vez, não se esqueça que sua escolha faz a diferença, No trânsito, você pode escolher, ou não, usar o celular enquanto dirige, beber antes de pegar ao volante, não usar cinto de segurança, exceder o limite de velocidade estabelecido, o semáforo e demais sinalizações e, entre outros, a faixa de pedestres.

É importante saber, contudo, que, ao fazer a escolha errada você está sujeito a acidentes graves de trânsito, a perder a vida, a contrair invalidez permanente, a ferir-se gravemente. Mais que isso, você poderá tirar vidas, ferir gravemente ou causar invalidez nas pessoas que transporta em seu veículo ou nas outras com as quais compartilha as vias e as rodovias.

Se for viajar, é importante que o veículo esteja em perfeitas condições mecânicas, abastecido, com freios e faróis em dia, além de pneus e estepe calibrados e os equipamentos como macaco, chave de roda e triângulo de sinalização em boas condições.

No caso de a viagem ser à noite, para fugir dos costumeiros congestionamentos, saiba que este horário apresenta algumas desvantagens, como a baixa visibilidade, que é um fator de risco para acidentes, e menor segurança.  Lembre-se, ainda, que a visão periférica é reduzida durante a noite, assim como a capacidade de avaliar distâncias.

Viagens noturnas requerem ainda que o condutor do veículo esteja descansad0. Portanto, procure dormir bem antes de iniciar a viagem. . É aconselhável também conhecer bem o roteiro para ter ciência dos trechos que podem oferecer riscos e os que são seguros.

Se a viagem for longa, planeje as paradas que terá de fazer para descanso.. Nunca pare no acostamento. Não é seguro, e você ainda corre o risco de provocar um acidente. Em grande parte das rodovias brasileiras existem postos de combustíveis em distâncias regulares nos quais é possível estacionar o veículo, comer, tomar um café e descansar.  Há, ainda, os refúgios especialmente criados para paradas momentâneas, são mais seguros e pensados para este fim.

 

Escreva um comentário