OBSERVATÓRIO | Sejamos a mudança no trânsito em 2017
8276
post-template-default,single,single-post,postid-8276,single-format-standard,ajax_fade,page_not_loaded,,hide_top_bar_on_mobile_header,qode-theme-ver-10.1.1,wpb-js-composer js-comp-ver-5.0.1,vc_responsive

Sejamos a mudança no trânsito em 2017

Sejamos a mudança no trânsito em 2017

Proposta é do OBSERVATÓRIO, que destaca uma nova realidade a ser construída a partir de atitudes simples dos condutores e dos pedestres

O OBSERVATÓRIO Nacional de Segurança Viária retoma as atividades nesta segunda-feira, 9 de janeiro, lembrando que a construção de um trânsito mais humano e seguro, com redução do número assustador de acidentes com mortes e feridos graves nas vias e nas rodovias do país, depende muito de como nos comportamos ao volante.

E propõe que neste 2017, todos passem a adotar medidas capazes de mudar  esse cenário triste que enfrentamos em nosso dia a dia nas ruas e nas estradas brasileiras. A reversão pode ser conquistada a partir de atitudes simples de nossa parte. Afinal, a paciência, a gentileza, a responsabilidade, o respeito às regras, são atributos individuais que, quando praticados, trazem como consequência o bem, não apenas às outras pessoas como a quem os pratica

Sejamos nós a mudança no trânsito. Isso não tem custo elevado e só trará benefícios para que no encerrar do novo ano a frase que embalou nossa ação em celebração ao Dia Mundial em Memória das Vítimas de Acidentes de Trânsito, o SOMOS TODOS VÍTIMAS, possa ser substituída por alguma outra que mostre os avanços de toda a sociedade em relação ao trânsito seguro.

E lembre-se; no trânsito existem atitudes que irritam e as que agradam (veja abaixo). Procure praticar apenas as bem-vindas.

Atitudes que agradam:

  • Se desculpar por eventuais falhas ou erros.
  • Dar passagem a outro veículo ou a motocicletas.
  • Motoristas que verificam os retrovisores e sinalizam antes de qualquer manobra.
  • Condutores que sinalizam com o pisca-alerta em casos de paradas abruptas.
  • Uso do farol mesmo durante o dia para se tornar mais visível.
  • Estacionar corretamente, sem invadir o espaço alheio ou prejudicar o trânsito.
  • Saber ser tolerante e ceder passagem a outros motoristas que desejam trocar de faixa ou acessar a via.

Atitudes irritantes:

  • Colar na traseira do veículo que vai à frente, sem respeitar distância de segurança.
  • Mudar de faixa ou executar manobras sem sinalizar com as setas.
  • Dirigir de modo agressivo e provocativo.
  • Buzinar e usar a farol alto a todo instante.
  • Motorista ao celular, falando ou enviando mensagem de texto.
  • Veículos que deixam nuvem de fumaça quando aceleram.
  • Motoristas que não mantêm velocidade constante (aceleram sem necessidade ou freiam repentinamente).
  • Não respeitar garagens.
  • Ultrapassar pela direita e entrar na frente do veículo que guarda distância de segurança.
  • Utilizar lanterna de neblina acesa quando não há neblina ou situação climática que justifique.
Sem comentários

Escreva um comentário