OBSERVATÓRIO | Vai viajar no feriado? Saiba como acomodar bagagem com segurança
8634
post-template-default,single,single-post,postid-8634,single-format-standard,ajax_fade,page_not_loaded,,hide_top_bar_on_mobile_header,qode-theme-ver-10.1.1,wpb-js-composer js-comp-ver-5.0.1,vc_responsive

Vai viajar no feriado? Saiba como acomodar bagagem com segurança

Vai viajar no feriado? Saiba como acomodar bagagem com segurança

Cargas levadas do lado externo exigem cuidados especiais; bolsas e mochilas nunca devem ficar soltas no chão

O feriado prolongado chegou. E quem vai viajar precisa de muita atenção com as bagagens,  cuja acomodação exige responsabilidade para garantia da segurança de todos os que estiverem no veículo e, mais que isso, de todos os que cruzarem com seu veículo na estrada. Por isso, o OBSERVATÓRIO Nacional de Segurança Viária orienta o melhor e mais seguro modo de acomodá-las.

Se for transportar cargas fora do carro como, por exemplo, bicicletas, pranchas entre outros, tudo deve estar bem amarrado e com dispositivos corretos. Esses objetos não podem exceder a largura, nem se projetar à frente do veículo. Já se ele ultrapassar a traseira – o que é permitido – ele precisa ser sinalizado, nas cores vermelho e branco para alertar os demais motoristas.

Na traseira, o objeto pode projetar-se no máximo  1,5 metro além do carro, sendo sinalizado. Fique atento, pois se o transporte for à noite, é preciso uma sinalização luminosa para alertar os demais motoristas e evitar colisões.

A checagem se a carga está bem amarrada é obrigatória e, ao longo da viagem, nas paradas, verifique se tudo continua bem fixado. É bom lembrar que o peso da bagagem interna deve ser somado à externa e não pode ultrapassar a capacidade do carro.

Sempre que for transportar objetos externos, cuidado para não encobrir a placa e lanternas do veículo, que precisam estar visíveis. Também analise se os objetos não vão prejudicar a sua visão e atrapalhar a condução. Eles ainda não devem gerar poeira ou barulho; e se houver necessidade de adotar redes para ampliar o cuidado com a fixação não hesite em fazê-lo.

O OBSERVATÓRIO destaca que para bagagens no interior do veículo a principal recomendação é nunca transportar bolsas no colo, nem soltas no carro. O lugar de malas e bagagens é no porta-malas ou no chão/piso do veículo. O mesmo vale para sacolas de mercado, mochilas de crianças entre outros pertences como laptops etc. Um detalhe importante nesses casos também é buscar manter bolsas e mochilas sempre fechadas, porque se estiverem no chão, algum item pode escapar e atrapalhar o uso dos pedais.

A distribuição do peso, lembra o OBSERVATÓRIO, é muito importante. É preciso distribuir a bagagem com uniformidade pelo carro para garantir a estabilidade. Essa medida contribui para economizar combustível e para evitar o desgaste de peças do carro. Além de uma direção mais econômica, o motorista reduz riscos como acidentes, já que se o carro apresentar instabilidade pelo excesso de peso ou má distribuição da bagagem, podem ocorrer acidentes em situações de curvas, chuvas ou até mesmo numa descida de serra.

Sem comentários

Escreva um comentário