Entrevista

70 ÔNIBUS CLANDESTINOS DE VIAGEM APREENDIDOS NO PRIMEIRO TRIMESTRE EM SÃO PAULO

OBSERVATÓRIO alerta para risco de viagens em transporte clandestino na Rádio Bandeirantes

Escrito por Portal ONSV

05 JUN 2023 - 09H44

O Jornal Gente, da Rádio Bandeirantes, apresentou dados referentes aos ônibus clandestinos de viagem interestadual apreendidos no primeiro trimestre do ano, partindo da cidade de São Paulo. O coordenador de Mobilidade Segura do OBSERVATÓRIO Nacional de Segurança Viária, Pedro Augusto Borges, alertou para os riscos da viagem num ônibus clandestino.

Conforme o levantamento, foram 70 ônibus clandestinos de viagem apreendidos entre janeiro e março nas rodovias estaduais e federais de São Paulo. Esse é o maior número para o período dos últimos 5 anos, segundo levantamento da ANTT (Agência Nacional de Transportes Terrestres) a pedido da Rádio Bandeirantes.

Se comparado ao primeiro trimestre do ano passado, houve aumento de 775% nas apreensões, quando houve apenas oito registros. O crescimento, segundo o gerente de fiscalização da ANTT, Hugo Leonardo Cunha Rodrigues, deve-se a uma mudança no método das operações.

A “origem” das viagens clandestinas, na grande maioria, é o centro da cidade de São Paulo. São locais que nada se parecem com rodoviária, mas vendem passagens de ônibus para diversas localidades do País. Minas Gerais, Ceará, Piauí e o Maranhão são os estados mais procurados, de acordo com a Agência Nacional de Transportes Terrestres.

Em uma agência regularizada, a mesma viagem sai por, no mínimo R$ 820, mais ou menos o dobro preço. O coordenador de Mobilidade Segura do OBSERVATÓRIO, Pedro Augusto Borges, alertou para os riscos da viagem num ônibus clandestino.

"Ele [o passageiro] acaba optando por um veículo que não passou pela vistoria padrão das condições mecânicas, de segurança e estruturais. Os condutores, que muitas vezes fazem parte dessas operações clandestinas, não têm um treinamento adequado e um descanso adequado entre as viagens. Eu costumo comparar com outro transporte que é o transporte por avião. Acredito que quase ninguém optaria por escolher por uma viagem clandestina de avião e temos que pegar essa percepção de risco e trazer para o modal rodoviário", afirma Pedro.

Assista à matéria completa:


Cidadania_e_transito_acoes_para_seguranca_viaria
Entrevista

Cidadania e Trânsito: ações para conscientização e segurança viária

O quadro Cidadania Máxima, da Rádio Máxima (89.9 FM) de Guaratinguetá, interior de São Paulo, abordou o tema trânsito em uma conversa com o head de Comunicação e Marketing do OBSERVATÓRIO Nacional de Segurança Viária, Rodrigo Ribeiro, na última quarta-feira (17). Na oportunidade foram debatidos também temas como, comportamento e responsabilidade no trânsito e ações para Educação para o Trânsito desenvolvidas pelo OBSERVATÓRIO, como o Movimento Maio Amarelo.

reportagem_bol_grupo_folha_voce_dirige_bem
Matérias

Você dirige bem? Se possui algum desses hábitos, não

O BOL (Brasil Online) - portal de notícias do Grupo Folha – questionou os leitores na última sexta-feira (12), com base em informações do OBSERVATÓRIO Nacional de Segurança Viária, para saber o quanto dirigem bem. A reportagem também destacou cinco hábitos importantes que fazem motoristas não se envolverem em sinistros de trânsito.

Programa_Educa_apresenta_novidades_em_2024_e_acoes_para_Maio_Amarelo_durante_reuniao_nacional
Matérias

Programa Educa apresenta novidades em 2024 e ações para o Maio Amarelo durante reunião nacional

Foi realizada na última quinta-feira (11), a reunião do programa Educa com 18 municípios integrantes do programa de Educação para o Trânsito nas escolas. Durante a abertura, o CEO do OBSERVATÓRIO Nacional de Segurança Viária, Paulo Guimarães, comentou sobre o encerramento do projeto-piloto Educa e o início de uma nova fase, com a transição digital do programa e a disponibilização dos conteúdos aos municípios.

Boleto

Reportar erro!

Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou de uma informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Portal ONSV, em Entrevista

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.