Matérias

CASOS DE EMBRIAGUEZ AO VOLANTE AUMENTAM EM CIDADES DA REGIÃO DE CAMPINAS/SP

Escrito por Portal ONSV

05 AGO 2022 - 11H11

Observador Certificado destaca os principais fatores que impulsionam esse aumento

O Jornal Bom Dia Cidade, da EPTV Campinas, emissora afiliada à TV Globo, destacou o aumento de casos de embriaguez ao volante em algumas cidades da região de Campinas, no interior do estado de São Paulo. O advogado, membro do Cetran/SP e da Câmara de Esforço Legal do Contran e Observador Certificado pelo OBSERVATÓRIO Nacional de Segurança Viária, Delcides Araújo, foi ouvido pela reportagem e pontuou alguns possíveis motivos para o aumento desse tipo de infração de trânsito.

Em algumas cidades, houve aumento de ocorrências de trânsito em comparação ao período anterior à pandemia. Segundo dados da Secretaria da Segurança Pública, Campinas tem 20 registros em média por mês. Em Americana, a média é de 14, seguido por Indaiatuba, com 10,6 casos.

Conforme destacou o Observador Certificado Delcides Araújo, entre os fatores desse aumento de casos de embriaguez ao volante está o retorno das atividades econômicas no pós-pandemia e aumento de fiscalização, que também é realizada com o etilômetro (popularmente conhecido como bafômetro). De maneira geral, aumenta o número de pessoas transitando alcoolizadas

“Então na medida que você vai retomando a atividade econômica, vão sendo feitas novamente as fiscalizações de alcoolemia, com etilômetro, que naturalmente faz aumentar esse número de infrações e um terceiro dado, que é o subjetivo, que o Observatório verifica, que inclusive, é objeto de estudo por parte de segmentos da saúde, ligada ao trânsito, é a questão do tanto que a pandemia trouxe um abalo emocional, de ansiedade para todos nós. O álcool muitas vezes é usado como uma válvula de escape por algumas pessoas, dentro desse quadro de ansiedade”, ressaltou Delcides Araújo.

Para se ter uma ideia do aumento, em 2019, Campinas registrou 19 ocorrências por mês, já em 2020, início da pandemia de Covid-19, foram 17,3 infrações por mês, em 2021, 19,1 ocorrências por mês e este ano (2022), em média 20 registros por mês até o momento.

Assista à matéria completa: https://globoplay.globo.com/v/10818954/

Observadores_certificados_tomam_posse_cetran_mg
Observadores Certificados

Observadores Certificados tomam posse junto ao Conselho Estadual de Trânsito de Minas Gerais

No dia 23 de abril, foi realizada a posse dos novos membros do Conselho Estadual de Trânsito de Minas Gerais (Cetran-MG). Na ocasião foram empossados como conselheiros os Observadores Certificados Alexander Ferreira de Magalhães e Kenedy Santos Pereira. A cerimônia ocorreu no Palácio Tiradentes na Cidade Administrativa em Belo Horizonte, e contou com a presença da Secretária de Estado e Planejamento e Gestão, Luísa Cardoso Barreto, presidente do colegiado, do Chefe da Coordenadoria Estadual de Gestão de Trânsito (CET-MG), antigo Detran-MG, Lucas Vilas Boas Pacheco, conselheiros empossados e integrantes da equipe administrativa do colegiado.

Observatorio_debate_sobre_desafios_perspectivas_seguranca_viaria_encontro_esg
Matérias

OBSERVATÓRIO debate sobre desafios e perspectivas da Segurança Viária em Encontro ESG

Com o objetivo de fomentar práticas mais sustentáveis, responsáveis, éticas e alinhadas aos valores do ESG (Ambiental, Social e Governança) no setor, o Setcesp (Sindicato das Empresas de Transportes de Carga de São Paulo e Região) realizou nos dias 05 e 06 de junho, o Encontro ESG: Desafios e Oportunidades no Transporte de Cargas, durante a Jornada de Sustentabilidade. O CEO do OBSERVATÓRIO Nacional de Segurança Viária, Paulo Guimarães, esteve entre os debatedores do Painel Segurança Viária ou do Trabalho desafios e perspectivas.

tv_globo_bahia_relatorio_maio_prudencia_mulheres_no_transito
Observadores Certificados

TV Globo Bahia utiliza relatório do OBSERVATÓRIO em reportagem que destaca maior prudência de mulheres no trânsito

O telejornal Bahia Meio Dia, da TV Bahia – afiliada à TV Glogo na Bahia, comparou questões relacionadas à imprudência no trânsito entre homens e mulheres em reportagem, com base em um relatório produzido pelo OBSERVATÓRIO Nacional de Segurança Viária que destaca algumas diferenças entre mulheres e homens no trânsito brasileiro. A psicóloga do trânsito e Observadora Certificada, Bianca Cruz, destacou a importância de ações educativas exclusivas, voltadas diretamente para o público masculino.

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Reportar erro!

Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou de uma informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Portal ONSV, em Matérias

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.