fbpx
Loader
Para evitar sinistros de trânsito, Anel Viário de Ribeirão Preto/SP recebe radares de velocidade
26333
post-template-default,single,single-post,postid-26333,single-format-standard,bridge-core-2.3.6,ajax_fade,page_not_loaded,,hide_top_bar_on_mobile_header,qode-theme-ver-22.2,qode-theme-bridge,disabled_footer_top,qode_header_in_grid,wpb-js-composer js-comp-ver-6.2.0,vc_responsive,elementor-default,elementor-kit-28047

Para evitar sinistros de trânsito, Anel Viário de Ribeirão Preto/SP recebe radares de velocidade

Para evitar sinistros de trânsito, Anel Viário de Ribeirão Preto/SP recebe radares de velocidade

Observador Certificado avaliou o motivo desses sinistros para o jornal da EPTV 2ª Edição

O Observador Certificado do OBSERVATÓRIO Nacional de Segurança Viária, Delcides Araújo, foi consultado pela EPTV – emissora afiliada da rede Globo na região de Campinas e Ribeirão Preto -, no último sábado (06), para falar sobre os motivos que levaram aos mais de 200 sinistros de trânsito registrados em 2020, pela Polícia Militar Rodoviária no Anel Viário Norte e Sul de Ribeirão Preto, interior de São Paulo.

Foram registrados 178 sinistros no Anel Viário Sul e 104 no Anel Viário Norte. Diante desse levantamento, a concessionária que administra o trecho instalou dois aparelhos no trecho Sul, com velocidades máximas de 80 e 90 km/h; dois na rodovia para Sertãozinho e outros dois, no Anel Viário Norte, com velocidades máximas de 90 e 110 km/h, como medida para tentar diminuir a imprudência dos condutores.

O Observador Certificado Delcides Araújo argumentou que é favorável à instalação desses radares. “O condutor do veículo, em dados do Detran do estado de São Paulo, atualmente é responsável por mais de 94% dos acidentes e o principal [motivo] deles, é o excesso de velocidade. Então, nesse sentido, o Observatório entende que essas medidas de controlar o excesso de velocidade nesses locais, mediante dispositivo de radar, tende a salutar a curto prazo, para coibir essa conduta e reduzir esses acidentes”, enfatiza.

Assista à reportagem completa em: https://globoplay.globo.com/v/9246841/

Imagem: EPTV/Divulgação

No Comments

Post A Comment