OBSERVATÓRIO | Congresso Nacional adere à sexta edição do Maio Amarelo
21253
post-template-default,single,single-post,postid-21253,single-format-standard,ajax_fade,page_not_loaded,,hide_top_bar_on_mobile_header,qode-theme-ver-10.1.1,wpb-js-composer js-comp-ver-5.0.1,vc_responsive

Congresso Nacional adere à sexta edição do Maio Amarelo

Congresso Nacional adere à sexta edição do Maio Amarelo

O Senado está com o prédio principal iluminado de amarelo mais uma vez, em mobilização pela segurança no trânsito. Segundo o senador Paulo Paim (PT-RS), a campanha é um importante momento para formação da sociedade pela harmonia no trânsito, com respeito ao pedestre e ao ciclista. A reportagem é de José Odeveza, da Rádio Senado.

Assim como o Outubro Rosa e o Novembro Azul, o Movimento Maio Amarelo nasce com uma proposta de conscientização. A campanha quer chamar a atenção da sociedade para o alto índice de acidentes com mortes e feridos no trânsito. Em 2018, a Lei Seca, uma das principais mudanças no Código de Trânsito desde sua implementação, completou 10 anos. O senador Paulo Paim, do PT do Rio Grande do Sul, enfatizou que mesmo com a legislação mais rigorosa, a atuação do Congresso Nacional deve focar a educação do cidadão para um trânsito mais harmonioso.

“Isso a gente só resolve, embora eu ache que esse governo está indo na contramão, é investindo cada vez mais na educação, na formação. Eu acho que campanhas como essa são muito positivas no sentido de que a população entenda que tem que respeitar os pedestres e ao mesmo tempo, também dar respeito ao ciclista, a aqueles que dependem de motos. Tudo isso na defesa da vida que tem que estar sempre em primeiro lugar”, disse o senador.

A campanha tem como tema este ano: “No trânsito, o sentido é a vida”. As peças publicitárias exibem crianças que aconselham os pais a terem atitudes corretas no trânsito com o lema “MEOUÇA”. O Congresso Nacional, que também participa da campanha, será iluminado de amarelo, durante todo o mês de maio.

Ouça aqui: https://www12.senado.leg.br/radio/1/noticia/congresso-nacional-adere-a-sexta-edicao-do-maio-amarelo

Sem comentários

Escreva um comentário