OBSERVATÓRIO | Observatório certifica profissionais do Setor de Trânsito
2915
post-template-default,single,single-post,postid-2915,single-format-standard,ajax_fade,page_not_loaded,,hide_top_bar_on_mobile_header,qode-theme-ver-10.1.1,wpb-js-composer js-comp-ver-5.0.1,vc_responsive

Observatório certifica profissionais do Setor de Trânsito

Observatório certifica profissionais do Setor de Trânsito

Profissionais, que participam dessa formação, já desenvolvem ações pela redução de acidentes em suas cidades e regiões

Para auxiliar profissionais que atuam na área de trânsito, o ONSV (OBSERVATÓRIO Nacional de Segurança Viária) criou uma certificação para gerar mais conhecimentos de boas práticas na segurança viária e veicular em prol de um trânsito mais seguro.

A certificação foi lançada no final de julho, intitulada Programa Nacional de Certificação de Observadores, com carga horária de três dias, para aperfeiçoar o conhecimento de profissionais que já tenham proficiência na área de trânsito, como especialistas em segurança viária, instrutores, educadores de trânsito, comunicadores, engenheiros, especialistas na legislação de trânsito, entre outros. A certificação tem validade de um ano, e na primeira turma foram certificados 14 profissionais.

O objetivo do OBSERVATÓRIO é construir uma rede atuante de profissionais atentos às problemáticas do trânsito brasileiro e interessados na busca de informações e conteúdos que os auxiliem nas ações de preservação de vidas no trânsito. Para se submeter à certificação os profissionais deverão ter proficiência na área de trânsito e reputação ilibada, além de não possuir vínculos efetivos com a administração pública ou partidos políticos.

De acordo com José Aurélio Ramalho, diretor-presidente do OBSERVATÓRIO, após a certificação esse grupo de profissionais passa a ter acesso a ferramentas e informações técnicas, de forma sistêmica, fortalecendo as ações na gestão da segurança viária e veicular nas suas bases de atuação, em diversos regiões do país. “Esses profissionais serão atualizados  sobre as temáticas do trânsito – principais discussões, programas e políticas”.

Com o título de “Observadores Certificados”, esses profissionais serão agentes catalizadores para tornar o trânsito mais seguro em seus territórios. A certificação prevê que os profissionais compartilhem os conhecimentos desse aperfeiçoamento com toda a sociedade, colaborem com a produção de materiais, estudos e pareceres relacionados ao trânsito e divulguem os conteúdos, projetos e programas elaborados pelo Observatório.

Por outro lado, eles participarão da elaboração de materiais técnicos, utilizarão as ferramentas corporativas como o SOMA (Sistema de Observação, Monitoramento e Ação) para gestão de estatísticas de trânsito; terão acesso às informações técnicas da entidade, por meio de uma plataforma web exclusiva, terão livre acesso aos eventos da entidade, em qualquer estado. além de serem convidados a participar do Conselho Técnico e dos Grupos de Trabalhos criados pelo OBSERVATÓRIO.

De acordo com o OBSERVATÓRIO, o Programa será realizado duas vezes por ano, com a próxima turma prevista para fevereiro de 2016. As inscrições para as próximas turmas abrem em novembro e as informações sobre as condições de participação serão disponibilizadas em breve no site do OBSERVATÓRIO.

Primeira Turma

A primeira turma certificada pelo OBSERVATÓRIO participou de um curso que teve início na segunda, dia 27, e se estendeu até o dia 29 de julho, na Sede do OBSERVATÓRIO, em Indaiatuba. No programa de certificação os observadores tiveram a oportunidade de demonstrar a sua atuação na área de trânsito, receberam treinamento sobre a utilização das ferramentas, programas e projetos do Observatório, além de capacitação sobre a atuação de entidades no terceiro setor da sociedade e de comunicação com o público externo. 

Veja a opinião de alguns participantes da Certificação:

“A gente tem amplo conhecimento no tema trânsito, mas quando tem acesso a um grupo pensante, aprende ainda mais. Falar de trânsito é fácil, mas saber traduzir o tema é muito complexo. E isso que nós tivemos aqui, ao ver reunidas pessoas de regiões diferentes, com linguagens diferentes, mas com um único objetivo: salvar vidas”.

Argentina Nunes Soares (atuou como educadora de trânsito no Detran, Cuiabá – MT, por mais de 30 anos)

 “Fiquei impressionado com o volume de conhecimento e dados colocados no curso. Foi um show de conteúdos e fico muito satisfeito de integrar essa primeira turma. Já estive aqui no OBSERVATÓRIO há dois anos e estou impressionado com o crescimento da entidade.”

Cel. Ordeli Savedra Gomes (assessor superior de Segurança no Trânsito, é Tenente Coronel da Brigada Militar em Porto Alegre; ainda é especialista em Legislação de Trânsito)

 “Foi uma experiência muito importante. Pessoas de locais diferentes, com visões diferentes, mas que querem fazer seu trabalho da forma mais correta. Foi um ganho profissional e pessoal. Só tenho a agradecer essa oportunidade e confiança.”

Luiz Gustavo (técnico em Segurança do Trabalho e Especialista em Trânsito) – Ribeirão Preto – SP

 

“Foram dias de muito conhecimento e muito aprendizado. Nossa responsabilidade triplicou depois desta formação. Foi excelente, sobretudo, essa troca de conhecimentos com pessoas capacitadas de todo o país.”

Marcos Sigrist (Instrutor e Examinador de Trânsito, Pós-Graduado em Gestão, Engenharia e Operação de Trânsito)- São José do Rio Preto – SP

 “Essa foi uma oportunidade única de estar com as principais cabeças do trânsito do país e poder interagir com profissionais de diversas regiões do Brasil, que vivenciam o tema – o que vai facilitar o nosso trabalho daqui pra frente”.

Márcia Pontes (graduada em Educação no Trânsito pela UNISUL – Tubarão, é especialista também nesta área) – Blumenau – SC

“O nível dos profissionais que estão se tornando observadores tem tudo a ver com a qualidade que o OBSERVATÓRIO busca. Em relação ao curso, apresentações e temas foram didáticos e claros. Saímos daqui com uma ampla visão do que podemos fazer em nossos estados. O Curso superou as minhas expectativas.”

Mauro Gil (Formado em Administração de Empresas (FAE-PR), tem especialização em Marketing pela TEXACO DO BRASIL S/A, nos Estados Unidos. É fundador e membro do Conselho Fiscal da Agência Nacional em Mobilidade – ANAMOB; e vice-presidente do ONSV. 

“Ter participado do Programa de Certificação reforçou em mim o desejo enorme de fazer a diferença e contribuir para que tenhamos um trânsito mais humano e seguro em nosso país. Agradeço a toda equipe pelo carinho e consideração.”

Roberta Torres (palestrante, professora e consultora especialista em Educação e Segurança no Trânsito; é, ainda, mestranda pela Faculdade de Medicina da UFMG (Universidade Federal de Minas Gerais)

Sem comentários

Escreva um comentário