OBSERVATÓRIO | Observatório vai dar apoio técnico a Nova Friburgo-RJ para redução de acidentes
844
post-template-default,single,single-post,postid-844,single-format-standard,ajax_fade,page_not_loaded,,hide_top_bar_on_mobile_header,qode-theme-ver-10.1.1,wpb-js-composer js-comp-ver-5.0.1,vc_responsive

Observatório vai dar apoio técnico a Nova Friburgo-RJ para redução de acidentes

Observatório vai dar apoio técnico a Nova Friburgo-RJ para redução de acidentes


Observatório vai dar apoio técnico a Nova Friburgo-RJ para redução de acidentes

O presidente do Observatório Nacional de Segurança Viária, José Aurélio Ramalho apresentou no início da tarde desta sexta-feira (09.08.13), as ações que o Observatório irá realizar em parceria com o Conseg (Conselho Comuntário de Segurança) de Nova Friburgo, região serrana do Rio de Janeiro, para reduzir o número de mortes e feridos no trânsito na cidade. O programa Pró-vita (Programa de Redução de Violência no Trânsito) está sendo coordenado pelo Conseg em parceria com a Prefeitura Municipal, Polícia Militar, Polícia Civil, Hospital Raul Sertã, Corpo de Bombeiros, Rotary Club entre outras entidades.

A intenção é mobilizar toda a sociedade friburguense para a questão do alto número de sequelados e mortos na cidade, vítimas de acidentes de trânsito. Para Ramalho, “o trabalho deve ser fundamentado em dados concretos, orientações profissionais e de caráter internacional”. Há que se fazer menos espetáculo e mais ações. O presidente do Observatório agradeceu o apoio do Deputado Hugo Leal, que está atento a violência no trânsito de todo país, mais especificamente a região serrana do Rio de Janeiro. “O deputado Hugo Leal é um incansável batalhador pela conscientização e uma legislação que traga segurança para todos, na área viária”, disse Ramalho as 70 pessoas presentes no evento.

Segundo dados da Seguradora Líder-DPVAT, somente no primeiro semestre de 2013, foram pagas 32 indenizações às famílias de mortos no trânsito da cidade, contra 26 no mesmo período do ano passado. Já as vítimas que adquiram invalidez permanente passaram de 42 nos primeiros seis meses de 2012 para 76, neste ano. Um aumento de 81%.

Para o prefeito Rogério Cabral, a intenção é unir todas as forças para reverter esse quadro. “Somente o poder público não consegue mudar o comportamento da população. Precisamos mobilizar o maior número de parceiros, além de especialistas para nos ajudar para vencer essa guerra”, desabafa o prefeito. Ele afirma que a iniciativa do Conseg, com o apoio técnico do Observatório, trará bons frutos a toda sociedade.

Zury Mauer, diretor-presidente do Conseg, está bastante esperançoso com a mobilização. “O objetivo do Conseg é mobilizar as entidades da sociedade civil e os governos a interagirem e se organizarem em prol de ações concretas e eficientes que diminuam os números da violência e mortes no trânsito”, diz Zury.

O Observatório irá mapear os acidentes de trânsito de Nova Friburgo, por meio dos Boletins de Ocorrência e inserir na plataforma SOMA (Sistema de Observação, Monitoramento e Ação). Também estão previstas o monitoramento de infrações em pontos de maior conflito de trânsito e o treinamento de universitários para abordagens nas ruas da cidade, com a intenção de multiplicar as orientações tanto para motoristas, como para pedestres, ciclistas e motociclistas.

Os trabalhos devem iniciar ainda no mês de agosto.

http://g1.globo.com/rj/regiao-serrana/noticia/2013/08/nova-friburgo-rj-realiza-campanha-de-conscientizacao-no-transito.html

http://www.avozdaserra.com.br/noticia/24382/conseg-lanca-programa-de-reducao-da-violencia-no-transito

Sem comentários

Escreva um comentário