Matérias

Campanha pelo uso de cinto em ônibus chega a 40 cidades do MS

Escrito por Portal ONSV

06 MAR 2017 - 10H40

Mobilização se dá em parceria com OBSERVATÓRIO, Governo do Estado do Mato Grosso do Sul, ANTT, PRF, Ministério Público e CCRMSVia

A campanha de alerta sobre a necessidade de uso do cinto de segurança em ônibus, desenvolvida com o apoio do OBSERVATÓRIO Nacional de Segurança Viária, em Mato Grosso do Sul, já atingiu 40 municípios daquele estado. Lançada pela Agepan (Agência Estadual de Regulação de Serviços Públicos do Mato Grosso do Sul) em dezembro passado, a mobilização realizou até o final de janeiro, 23 ações de fiscalização, com distribuição de folhetos de orientação em diferentes rodovias do estado.

Nessas operações, segundo informa a Agepan, foram abordados 1620 veículos de transporte coletivo (ônibus e microônibus). Diversos pontos de parada e terminais rodoviários têm sido visitados também, nos quais, além da distribuição de folhetos, há fixação de cartazes orientando para a necessidade de uso do cinto. A campanha atinge, ainda, órgãos públicos diversos.

De acordo com informações da Agepan, foram distribuídos, no período, 30 mil folhetos e 100 cartazes. Outros 100 cartazes foram enviados para a Polícia Rodoviária Federal do MS e 20 para a Polícia Rodoviária Estadual, para distribuição e divulgação nos postos das instituições nas estradas do estado. Diariamente são veiculados cinco spots com dicas da campanha, em programas de 1 minuto, via Rádio Educativa; o vídeo também é veiculado todos os dias, em horários alternados, pela TV Educativa.

Ainda de acordo com a Agepan, folhetos também foram encaminhados para várias operadoras do transporte rodoviário intermunicipal de passageiros, a fim de que fossem fixados ao bilhete de passagens compradas para embarques fora da Capital, de modo que a mensagem chegue ao maior número de passageiros que estiverem viajando pelas rodovias de Mato Grosso do Sul.

O banner da campanha está disponível nos seguintes sites na Internet: Portal da Educativa MS;  Procuradoria da República /MS e  CCR MSVia. Esse banner direciona para página específica, no site da Agepan, onde podem ser encontradas todas as informações das ações, materiais de comunicação, matérias publicadas, etc, no pé da página de apresentação da campanha. Além disso, semanalmente têm sido divulgadas matérias com dicas da campanha via site da Agência e do Governo do Estado.

Além do OBSERVATÓRIO, a campanha conta com a parceria do Governo do Estado de Mato Grosso do Sul,  PRF, a ANTT, o Ministério Público Federal/Procuradoria da República/MS, e a concessionária CCRMSVia.

Cerca_de_62_pessoas_envilvidas_em_sinistros_de_transito_no_rio_de_janeiro_em_2023
Observadores Certificados

Cerca de 62 pessoas envolvidas em sinistros de trânsito por dia no Rio de Janeiro em 2023

O telejornal Bom Dia Alerj da TV Alerj (Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro), de hoje (21), apresentou uma reportagem sobre violência no trânsito nos grandes centros urbanos e destacou uma pesquisa que classifica o estado do Rio de Janeiro entre os três com os motoristas mais rudes do Brasil. O especialista em Gestão e Direito de Trânsito e Observador Certificado, Maicon de Paula, foi consultado e defendeu a Educação para o Trânsito como instrumento para diminuir a violência no trânsito.

Regiao_do_grande_abc_registra_mes_de_maio_mais_letal_desde_2015
Observadores Certificados

Região do Grande ABC registra o mês de maio mais letal no trânsito desde 2015

A edição de ontem (20), do Diário do Grande ABC, em São Paulo, destacou que apesar do mês de maio ser marcado como uma época de conscientização para a segurança no trânsito, a Região do Grande ABC registrou o mais letal no trânsito desde 2015. O Observador Certificado Regis Frigeri foi consultado pela reportagem para falar sobre a eficácia das campanhas anuais de conscientização promovidas pelo Maio Amarelo diante do aumento de sinistros de trânsito.

Faixa_azul_deve_chegar_a_200km_na_cidade_de_sao_paulo_ate_o_final_do_ano
Matérias

Faixa Azul deve chegar a 200 km na cidade de São Paulo até o final do ano

A Faixa Azul é um projeto da prefeitura de São Paulo que cria uma pista exclusiva para motos em avenidas movimentadas da cidade. Iniciada em 2022, teve rápida expansão para se tornar uma bandeira eleitoral e deve chegar a 200 quilômetros no fim do ano. O head de Mobilidade Segura do OBSERVATÓRIO Nacional de Segurança Viária, Pedro Borges, foi um dos especialistas que falou ao Globo na última quarta-feira (19), sobre os resultados apresentados.

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Reportar erro!

Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou de uma informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Portal ONSV, em Matérias

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.