Matérias

Conferência “Visão Zero Acidentes Fatais para América Latina” terá participação do OBSERVATÓRIO

Escrito por Portal ONSV

17 MAI 2021 - 11H54

Evento internacional promovido pela IRF Global (Federação Internacional de Rodovias) será realizado entre os dias 18 e 20 de maio, virtualmente

Será realizada esta semana, entre os dias 18 e 20 de maio, um relevante seminário internacional sobre segurança viária, “Visão Zero Acidentes Fatais para América Latina” – Desenhando Estradas mais Seguras, contará com a participação do diretor-presidente do OBSERVATÓRIO Nacional de Segurança Viária, José Aurelio Ramalho, como um dos palestrantes.

A IRF Global é uma entidade sem fins lucrativos, com sede em Washington (EUA), fundada em 1948, com escritórios regionais em mais de 70 países em todo o mundo. Eles atendem a uma rede de entidades e órgãos públicos com conhecimento e soluções para as melhores práticas do setor de infraestrutura rodoviária e trabalham para que haja estradas seguras para todos os condutores.

Para Ramalho, essa é uma excelente oportunidade. “Vamos trabalhar dois pontos fundamentais durante a explanação: a adoção da Visão Zero em todos os países da América Latina, respeitando as características regionais, geográficas e culturais dos países e também a adoção imediata de outro conceito importante: o Rodovias que Perdoam. Acreditamos que, elaborando um plano de adoção para esses dois importantes conceitos, vamos alcançar os objetivos a 2ª Década de Ação pela Segurança no Trânsito, até 2030, que é reduzir em 50% o total de mortes e feridos no trânsito de todo o mundo”, afirma Ramalho.

Reunindo profissionais de diversos países, referência em suas áreas, terá como objetivos os seguintes pontos:

  • Alinhar os programas regionais com as metas globais de segurança no trânsito:
  • Criar meios de financiamento de segurança no trânsito por meio de mecanismos sustentáveis;
  • Promover consenso entre as partes interessadas e coordenação entre as agências oficiais;
  • Identificar rodovias inseguras e concentrar os esforços para modificá-las;
  • Aplicar uma avaliação sistemática de risco, em todas as categorias de usuários e identificar dados disponíveis para apoiar a tomada de decisão;
  • Especificar medidas corretivas corretas para a segurança no trânsito, incluindo a criação de um critério de avaliação;
  • Desenvolver estratégias regionais para uma infraestrutura viária mais segura e também informar planos de ação.

O evento é gratuito para o setor público e ONGs. As inscrições para assistir ao evento podem ser feitas, em:

OBSERVATÓRIO conheceu de perto a filosofia Visão Zero

Durante a realização da 3ª Conferência Mundial de Segurança no Trânsito, promovida pela ONU/OMS (Organização das Nações Unidas e Organização Mundial da Saúde) em fevereiro de 2020 em Estocolmo, Suécia, o Observatório teve a oportunidade de fazer uma reunião com o diretor da Academia Visão Zero, da Administração Sueca de Transporte e também professor adjunto do KTH Royal Institute of Technology da Suécia, Matts-Ake Belin.

José Aurélio Ramalho, Francisco Garonce e Daniela Gurgel puderam entender a filosofia Visão Zero Acidentes, criada na Suécia na década de 1990, como ela foi instituída e como a sociedade se engajou no processo e as dificuldades iniciais da implantação. Durante esse encontro, foi possível solicitar a inscrição de Indaiatuba/SP no Desavio Visão Zero, promovida pela WRI em 20 cidades da América Latina, o que, logo no mês seguinte foi concretizada.

Dr. Matts-Ake explicou como as conversas aconteceram lá em 1995, os principais envolvidos e a determinação do então Ministro da pasta em instalar definitivamente a cultura da segurança viária no país. Hoje, a Suécia colhe os frutos de ter o menor índice de mortes por 100 mil habitantes no planeta, ou seja, é o lugar do mundo mais seguro para transitar em qualquer modo de transportes. Em 2019 foram registradas apenas 223 vítimas fatais em acidentes de trânsito no país. Hoje a Suécia tem pouco mais de 10 milhões de habitantes.

 

Conheça a programação da Conferência:

 Dia 1

12:00-13:30 - Qué significa “Visión Cero” para los diseñadores de carreteras en América Latina

Moderador: Prof. Benjamín Colucci, University of Puerto Rico, Mayagüez

  • Marcello Costa, Secretário Nacional, Secretaria Nacional de Transportes Terrestres, Brazil;
  • Ari Herrera, Salvador, Landeros Ayala, former President, Pan American Federation of Engineering Societies;
  • Catalina Garcia, Global Director of Corporate Affairs, Anheuser Busch InBev – ABI;
  • Sara Rodríguez, Gerente de Operaciones y Calidad, Abertis;
  • Jorge Vanegas, Presidente, Academia Panamericana de Ingeniería (API);

14:00-15:30 - Diagnosis y tratamiento para el riesgo de accidentes en carreteras

Moderador: Edgar Zamora, Consultor independiente

  • Jaime Campos, Jefe del Departamento de Seguridad Vial, Ministerio de Obras Públicas, Chile;
  • John Hernandez, Project Leader, Cal y Mayor;
  • Lynn Scholl, Senior Transport Specialist, InterAmerican Development Bank;
  • John Griffith, ETI USA Inc.

 

16:00-17:00 - Clase Maestra: Predicción de riesgos carreteros utilizando sistemas de información geográfica

Presentado por ESRI

  • Terry Bills, Transportation Industry Manager, ESRI;
  • Caio Victer, Solutions Engineer, Manager, ESRI.

 

Dia 2:

11:00-12:00 - Clase Maestra: Introducción a la “Caja de Herramientas: Prácticas de Gestión para Carreteras más Seguras”

Presentado por el Instituto de Formación e Investigación de las Naciones Unidas (UNITAR)

  • Angela Montano, Project Manager, UNITAR.

12:00-13:30 Consiguiendo velocidades seguras

Moderador: Daniel Llort, International Road Federation

  • Dr. Jesus Manuel Chavarría, Investigador, Instituto Mexicano del Transporte;
  • Alexis Collazo, Business Development Manager for Caribbean & Latin America, Sensys Gatso Group;
  • Newman Marques da Silva, Director of Technology, ABEETRANS;
  • Prof. Alberto Figueroa Medina, University of Puerto Rico, Mayagüez;
  • Prof. Didier Valdés, University of Puerto Rico, Mayagüez;
  • Jesús Monclús, Director of Prevention and Road Safety, Fundación MAPFRE.

14:00-15:30 - Mejores prácticas en carreteras “perdonables”

Moderador: Greg Speier, Speier Road Safety Solutions

  • Jose Aurelio Ramalho, Presidente, Observatório Nacional de Segurança Viária;
  • Fernando Cunha, Diretor Técnico e de Expansão Internacional, ECOPOSTE;
  • Bruno Benites, Engenheiro de Aplicação, Lindsay Barriers Systems;
  • Luiz Antonio Pereira, Manager – Engineering, Armco Staco.

 

Dia 3:

11:00-11:45 - De camino a Dubai 2021: invitación a las asociaciones interesadas al 18o Congreso Mundial

Presentado por la Federación Internacional de Carreteras (IRF)

Sessão em inglês

12:00-13:30 Enfoque en usuarios vulnerables

Moderador: Prof. Didier Valdés, University of Puerto Rico, Mayagüez

  • Erika Jaramillo, Consultor independiente;
  • Fabiola Buitrago, Consultora en Transportación y Seguridad, Resolve Engineering;
  • Wilmer Pipicano Chicangala, Movilidad Sostenible Ltda;
  • Alejandra Medina, Virginia Tech Transportation Institute;
  • David Hurwitz, Oregon State University.

14:00-15:30 - Entrega de guías positivas para usuarios carreteros

Moderador: Carlos Ballón, Presidente, Sociedad de Ingenieros de Bolivia (SIB);

  • Prof. Benjamín Colucci, University of Puerto Rico, Mayagüez;
  • Eng. Josué Cruz, CMA;
  • Paula Abreu, Manager Latin America de TSS, 3M;
  • Walter Rocha, Plant Director, Viacolor;
  • Dr. Germán Valverde, University of Costa Rica;
  • Joaquin Acosta, Jefe de mantenimiento de sistemas de ITS, SICE Mexico.

16:00-17:00 Financiación de las estrategias nacionales de seguridad en infraestructuras

Moderador: Prof. Benjamín Colucci, University of Puerto Rico, Mayagüez

  • Larissa Wendling, Gerente de Projetos de Engenharia e Meio Ambiente, Agência Nacional de Transportes Terrestres;
  • Viviane Riveli, Coordenadora, Gerência de Estruturação de Projetos - Diretoria de Planejamento, Empresa de Planejamento e Logística;
  • IRF Award Presentation.

Cerca_de_62_pessoas_envilvidas_em_sinistros_de_transito_no_rio_de_janeiro_em_2023
Observadores Certificados

Cerca de 62 pessoas envolvidas em sinistros de trânsito por dia no Rio de Janeiro em 2023

O telejornal Bom Dia Alerj da TV Alerj (Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro), de hoje (21), apresentou uma reportagem sobre violência no trânsito nos grandes centros urbanos e destacou uma pesquisa que classifica o estado do Rio de Janeiro entre os três com os motoristas mais rudes do Brasil. O especialista em Gestão e Direito de Trânsito e Observador Certificado, Maicon de Paula, foi consultado e defendeu a Educação para o Trânsito como instrumento para diminuir a violência no trânsito.

Regiao_do_grande_abc_registra_mes_de_maio_mais_letal_desde_2015
Observadores Certificados

Região do Grande ABC registra o mês de maio mais letal no trânsito desde 2015

A edição de ontem (20), do Diário do Grande ABC, em São Paulo, destacou que apesar do mês de maio ser marcado como uma época de conscientização para a segurança no trânsito, a Região do Grande ABC registrou o mais letal no trânsito desde 2015. O Observador Certificado Regis Frigeri foi consultado pela reportagem para falar sobre a eficácia das campanhas anuais de conscientização promovidas pelo Maio Amarelo diante do aumento de sinistros de trânsito.

Faixa_azul_deve_chegar_a_200km_na_cidade_de_sao_paulo_ate_o_final_do_ano
Matérias

Faixa Azul deve chegar a 200 km na cidade de São Paulo até o final do ano

A Faixa Azul é um projeto da prefeitura de São Paulo que cria uma pista exclusiva para motos em avenidas movimentadas da cidade. Iniciada em 2022, teve rápida expansão para se tornar uma bandeira eleitoral e deve chegar a 200 quilômetros no fim do ano. O head de Mobilidade Segura do OBSERVATÓRIO Nacional de Segurança Viária, Pedro Borges, foi um dos especialistas que falou ao Globo na última quarta-feira (19), sobre os resultados apresentados.

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Reportar erro!

Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou de uma informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Portal ONSV, em Matérias

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.