Matérias

MANHÃ BANDEIRANTES, DA RÁDIO BANDEIRANTES, FALA SOBRE LEI SECA COM PRESIDENTE DO OBSERVATÓRIO

Escrito por Portal ONSV

20 MAI 2022 - 11H57

Durante entrevista com Datena, diretor-presidente do OBSERVATÓRIO destacou importância da Lei Seca para o trânsito brasileiro

O programa Manhã Bandeirantes, da Rádio Bandeirantes, apresentado por José Luiz Datena e Agostinho Teixeira, apontou hoje (20), durante a programação, a decisão do STF (Supremo Tribunal Federal) de manter a Lei Seca e a multa para quem se recusar a fazer o teste do bafômetro. Datena entrevistou o diretor-presidente do OBSERVATÓRIO Nacional de Segurança Viária, José Aurelio Ramalho, que explicou a atual decisão sobre a Lei.

“Essa lei já existe há mais de uma década e vem surtindo um bom efeito no Brasil, a gente vem tirando muitos motoristas da via e, principalmente, há uma conscientização em grande parte da sociedade de não mais dirigir quando ingere bebida alcoólica, que é o óbvio”, ressaltou o diretor-presidente do OBSERVATÓRIO.

O STF formou maioria para manter o texto da Lei Seca sem mudança. A corte analisou na última quarta-feira (18), três ações que questionavam a constitucionalidade do texto por supostamente desrespeitar o direito de não produzir prova contra si mesmo. “Tentaram voltar com aquela história de que nós não podemos gerar prova contra nós mesmos”, frisou Ramalho.

O diretor-presidente do OBSERVATÓRIO explicou a premissa da Lei Seca durante a entrevista: “Quando você sopra o bafômetro e não tem álcool, você segue a sua vida. Se você sopra o bafômetro e está embriagado, você recebe duas penas: uma administrativa, você vai receber uma multa, vai perder o direito de dirigir por um ano e vai ter o teu carro apreendido; e tem uma pena de crime de trânsito. Agora, se você se nega a soprar e não tem sinais de embriaguez, vai receber uma pena administrativa. Se mostra sinais de embriaguez, mesmo assim, sem soprar o bafômetro, o policial pode te enquadrar em crime de trânsito. Então tem essa grande diferença, muitas vezes a pessoa não quer soprar para fugir, principalmente da pena do crime, que é mais pesada para o cidadão.”

Ramalho também frisou o alto número de mortes e lesões no trânsito brasileiro e destacou a importância da Educação para o Trânsito para a formação do cidadão e construção de um trânsito mais seguro para toda a sociedade. Ressaltou também as ações desenvolvidas pelo Movimento Maio Amarelo, durante o mês de maio, para conscientizar as pessoas para a causa da segurança no trânsito.

Assista à entrevista completa:

[vc_video link="https://www.youtube.com/watch?v=WU3IXvb41Z4"]

Atraso_licitacao_transporte_publico_recife_pe
Observadores Certificados

Atraso na licitação do transporte público do Recife/PE gera transtorno aos usuários

A Rádio Jornal Pernambuco informou que os usuários do transporte público da região metropolitana do Recife, em Pernambuco, terão que esperar mais para que a licitação das linhas de ônibus seja concluída. A previsão do governo pernambucano é que esse processo seja finalizado somente em 2026. Na última sexta-feira (12), o mestre em Inovação e Desenvolvimento para o Trânsito e Observador Certificado, Emanoel Silva, falou à Rádio Jornal sobre a importância dessa licitação e o impacto da qualidade do transporte público na vida das pessoas.

Carta_aberta_pela_participacao_democratica_nas_politicas_de_mobilidade_do_distrito_federal
Observadores Certificados

Carta aberta pela participação democrática nas Políticas de Mobilidade no Distrito Federal

Integrantes da Rede Urbanidade participaram, na última terça-feira (09), da cerimônia de lançamento dos trabalhos de revisão do PDTU (Plano Diretor de Transporte Urbano) do Distrito Federal. Durante o evento, distribuíram a carta aberta enviada ao governador Ibaneis Rocha, assinada por dez entidades, com sugestões para a participação democrática nas políticas de mobilidade do DF. A cerimônia foi realizada no Salão Nobre do Palácio do Buriti.

Artigo_a_paz_no_transito_comeca_por_voce
Observadores Certificados

A Paz no Trânsito Começa por Você: Um Compromisso Coletivo pela Vida

Em um mundo cada vez mais conectado, onde as distâncias parecem diminuir através da velocidade, um desafio persiste em ameaçar a integridade e a vida de milhares de pessoas: a (in)segurança no trânsito.

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Reportar erro!

Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou de uma informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Portal ONSV, em Matérias

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.