Matérias

Movimento Maio Amarelo e Educação para o Trânsito nas escolas são temas de reunião na sede do Detran/GO

Escrito por Portal ONSV

23 MAR 2021 - 14H11

No encontro, Observador Certificado e representante do Maio Amarelo em Goiás discute ações que serão desenvolvidas no estado

Reuniram-se na última terça-feira (16), na sede do DETRAN-GO, para discutir ações referentes ao Movimento Maio Amarelo 2021, voltadas para as escolas, representantes do Movimento Maio Amarelo em Goiás; da SEE-GO (Secretaria de Educação do Estado de Goiás); da Coordenação Regional de Educação de Anápolis e do Detran.

A reunião realizada em Goiânia teve como objetivo tratar de assuntos de Educação para Trânsito, incluindo a preparação do Movimento Maio Amarelo 2021 para o estado, com apoio e participação do OBSERVATÓRIO Nacional de Segurança Viária. Carlovan Porto, Observador Certificado do OBSERVATÓRIO e representante do Movimento Maio Amarelo em Goiás, o prof. Marcos Pedro (gerente de Programas e Projetos Intersetoriais e Socioeducação), representando a SEE-GO; e Luciano Almeida da coordenação Regional de Educação de Anápolis, foram recebidos por Isac Silva, diretor-técnico e Pablynne de Carvalho Melo, gerente de Educação para o Trânsito do Detran.

No encontro foram discutidas as ações que serão desenvolvidas para as escolas quanto ao Movimento MAIO AMARELO 2021, que em sua 8ª edição tem como tema “Respeito e Responsabilidade: Pratique no Trânsito”, como apresentado pelo OBSERVATÓRIO.

“Achamos que mesmo atuando de maneira remota no contexto educacional, nas redes sociais e demais mídias conseguiremos atingir milhares de pessoas com as mensagens de esperança do Maio Amarelo, através dessa, que é a maior campanha de prevenção de mortes no trânsito”, completa o professor Carlovan.

A reunião possibilitou também a realização de ajustes na parceria firmada entre o Detran e a Secretaria de Estado de Educação de Goiás, que tem em andamento a formação de 120 professores no curso de instrutor/examinador de trânsito como parte do Projeto "NO TRÂNSITO O SENTIDO É A VIDA". Tratou-se do acompanhamento pedagógico, desenvolvimento do projeto e estratégias futuras para ampliar o trabalho com a educação para o trânsito, que tem como estratégia, uma ação conjunta e coletiva.

[vc_separator type="transparent"][vc_separator type="small" position="center"][vc_separator type="transparent"][vc_single_image image="26762" img_size="full" qode_css_animation=""]

Da esquerda para a direita: Profs. Luciano - CREA; Carlovan - OBSERVATÓRIO; Dr. Isac - diretor-técnico/Detran; Pabline - gerência-Edu/Detran e prof. Marcos Pedro - GPPIS/SEDUC/GO

Iluminacao_publica_contribui_para_o_transito_seguro
Matérias

Iluminação pública contribui para o trânsito seguro

Com o intuito de orientar os prefeitos e gestores públicos quanto à perenidade das ações do Minas Led*, assim como as melhores práticas no que diz respeito à iluminação pública, a Cemig - Companhia Energética de Minas Gerais, lançou a Revista Minas Led. Em sua primeira edição, traz a entrevista do CEO do OBSERVATÓRIO Nacional de Segurança Viária, Paulo Guimarães, que fala sobre a contribuição da iluminação pública para o trânsito seguro e mobilidade urbana.

Grande_Sao_Paulo_registra_aumento_de_mortes
Observadores Certificados

Grande São Paulo registra aumento de 32% no número de mortes no trânsito

O Observador Certificado Marco Antonio Ghiraldello falou ontem (17), pela Radioagência Nacional, da EBC – Empresa Brasil Comunicação, veículo público de comunicação, sobre os principais motivos que levaram o trânsito da Grande São Paulo a registrar aumento no número de óbitos nos primeiros cinco meses de 2024, comparado ao mesmo período de 2023.

Jornal_Manha_Bandeirantes_destaca_aumento_de_sinistro_de_transito_na_grande_sao_paulo
Observadores Certificados

Jornal Manhã Bandeirantes destaca aumento de sinistros de trânsito na Grande São Paulo

O jornal Manhã Bandeirantes de ontem (16), consultou o Observador Certificado e coordenador do Núcleo de Esforço Legal do OBSERVATÓRIO Nacional de Segurança Viária, Kenedy Santos Pereira, para falar sobre os principais motivos para os cinco primeiros meses de 2024 serem os mais letais dos últimos seis anos no trânsito da Grande São Paulo.

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Reportar erro!

Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou de uma informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Portal ONSV, em Matérias

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.