Matérias

Não sabe o que fazer em situações de chuvas e alagamentos? O OBSERVATÓRIO ajuda!

Escrito por Portal ONSV

29 OUT 2015 - 15H37

Assista a dois vídeos e se prepare para enfrentar o trânsito, mesmo se o tempo fechar.

Ainda falta tempo para o início oficial do Verão (21 de dezembro), mas as chuvas que marcam essa estação costumam se antecipar e assustam muitos motoristas em plena Primavera. Basta a tarde chegar para o céu dar seus sinais e a chuva atrapalhar a vida de quem tem que se deslocar. Nas estradas, os cuidados devem ser redobrados; mas na cidade, os alagamentos também trazem inúmeros riscos.

As recomendações ao enfrentar chuvas são simples, mas eficientes: trafegue sob velocidade reduzida, redobre a atenção aos veículos ao redor, redobre o cuidado com os pneus, com a visibilidade dos vidros ou viseira além de evitar seguir em caso de alagamentos.

Acionar o farol baixo para que o seu veículo possa ser visto pelos demais é também muito importante para evitar colisões e, nestas condições com pista molhada, as ultrapassagens devem ser esquecidas, afinal, os riscos são potencializados.

Se o motorista se deparar com alagamentos – o que não é raro nos centros urbanos, deve aguardar a água baixar para trafegar nestes trechos. A melhor saída mesmo é evitar rotas que tradicionalmente costumam se alagar. Mas se isso não for possível, tente ficar calmo e não se assuste com problemas que o seu veículo pode apresentar em trechos com enchentes como, por exemplo, anomalias nos ponteiros e a direção poderá ficar bastante pesada.

Se tiver que enfrentar enchentes, dirija sempre em primeira marcha em aceleração para evitar que água entre no motor, o que poderá ampliar os prejuízos. Não ligue o ar-condicionado, pois o carro perderá potência. E se o carro morrer, você sabe o que fazer?

O ONSV (OBSERVATÓRIO Nacional de Segurança Viária) disponibiliza o vídeo “Enchentes”, que garante todas as recomendações para situações nas quais você se depara com alagamentos. Assista no link: https://www.onsv.org.br/podcasts/enchentes/

E para evitar riscos desnecessários, o internauta também pode assistir ao vídeo Condições Adversas – Neblina e Chuva, para se preparar para enfrentar os próximos meses do ano. O OBSERVATÓRIO lembra: se o tempo fechar, redobre os cuidados no trânsito.

Veja!

Cerca_de_62_pessoas_envilvidas_em_sinistros_de_transito_no_rio_de_janeiro_em_2023
Observadores Certificados

Cerca de 62 pessoas envolvidas em sinistros de trânsito por dia no Rio de Janeiro em 2023

O telejornal Bom Dia Alerj da TV Alerj (Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro), de hoje (21), apresentou uma reportagem sobre violência no trânsito nos grandes centros urbanos e destacou uma pesquisa que classifica o estado do Rio de Janeiro entre os três com os motoristas mais rudes do Brasil. O especialista em Gestão e Direito de Trânsito e Observador Certificado, Maicon de Paula, foi consultado e defendeu a Educação para o Trânsito como instrumento para diminuir a violência no trânsito.

Regiao_do_grande_abc_registra_mes_de_maio_mais_letal_desde_2015
Observadores Certificados

Região do Grande ABC registra o mês de maio mais letal no trânsito desde 2015

A edição de ontem (20), do Diário do Grande ABC, em São Paulo, destacou que apesar do mês de maio ser marcado como uma época de conscientização para a segurança no trânsito, a Região do Grande ABC registrou o mais letal no trânsito desde 2015. O Observador Certificado Regis Frigeri foi consultado pela reportagem para falar sobre a eficácia das campanhas anuais de conscientização promovidas pelo Maio Amarelo diante do aumento de sinistros de trânsito.

Faixa_azul_deve_chegar_a_200km_na_cidade_de_sao_paulo_ate_o_final_do_ano
Matérias

Faixa Azul deve chegar a 200 km na cidade de São Paulo até o final do ano

A Faixa Azul é um projeto da prefeitura de São Paulo que cria uma pista exclusiva para motos em avenidas movimentadas da cidade. Iniciada em 2022, teve rápida expansão para se tornar uma bandeira eleitoral e deve chegar a 200 quilômetros no fim do ano. O head de Mobilidade Segura do OBSERVATÓRIO Nacional de Segurança Viária, Pedro Borges, foi um dos especialistas que falou ao Globo na última quarta-feira (19), sobre os resultados apresentados.

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Reportar erro!

Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou de uma informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Portal ONSV, em Matérias

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.