Matérias

No trânsito, use o bom-senso para acionar a buzina!

Escrito por Portal ONSV

17 FEV 2016 - 10H25

Tem atitudes no trânsito que devem ser evitadas, pois geram e ampliam o estresse de todos. Um dos principais exemplos está relacionado ao uso abusivo da buzina. Existem muitos motoristas que ao enfrentarem qualquer situação estão lá com a mão na buzina: não têm paciência para esperar que um pedestre conclua uma travessia; numa lentidão, então, acreditam que ao buzinar os demais carros possam desaparecer ou que o seu carro possa sair voando sobre os outros; não conseguem, muitas vezes, esperar um embarque e desembarque de um idoso que normalmente pode ser mais lento. Na hora de fazer uma ultrapassagem, acreditam que é só sair buzinando para que todos saiam da frente. Enfim, usam esse equipamento que é tão importante na comunicação durante a direção, de forma equivocada.

A buzina tem uma função importante de indicar intenções, alertas e outras necessidades; mas o seu uso tem que ser com moderação e respeito. Do contrário, o condutor pode ser penalizado, gerar indisposições com outros motoristas e até colaborar para que o estresse no trânsito ainda seja maior para todos.

O OBSERVATÓRIO Nacional de Segurança Viária lembra a todos que a buzina deve ser acionada com toques rápidos para alertar outros condutores ou pedestres de alguma situação de risco.

Ela pode, inclusive, ser usada como forma de agradecer outros atores no trânsito que estejam permitindo uma ultrapassagem ou comunicando alguma intenção.

Mas todos devem estar atentos à sinalização de proibições do uso da buzina; e mesmo quando ela não existir, não acionar esse equipamento no horário entre às 22h e 6h, sobretudo, no entorno de hospitais, escolas e cemitérios.

Sempre use o bom-senso antes de buzinar. A buzina não deve ser usada também como forma de aliviar o estresse pessoal no trânsito; afinal, ela não servirá para solucionar esse problema. Nenhum congestionamento, por exemplo, vai desaparecer de sua frente, só porque você está apertando a buzina. E o pior, atitudes como essas podem trazer confusões com os demais motoristas.

O trânsito já é um espaço que pode gerar uma certa impaciência; então, colabore para que nesse espaço todos possam estar mais confortáveis e sem barulhos desnecessários. O bem-estar de todos depende da sua atitude.

Observatorio_participa_segunda_edicao_esg_energia_negocios_ibp
Matérias

OBSERVATÓRIO participa da 2ª Edição do ESG Energia e Negócios do IBP

Com o objetivo de colaborar para que a sociedade avance em direção a um futuro energético de baixo carbono, o IBP (Instituto Brasileiro de Petróleo e Gás) realiza a 2ª edição do “ESG Energia e Negócios” nos dias 27 e 28 de maio, em Copacabana, no Rio de Janeiro. O presidente do Conselho Deliberativo do OBSERVATÓRIO Nacional de Segurança Viária, José Aurelio Ramalho, participou da abertura do evento, falando dos atuais números do trânsito no Brasil, dos avanços do Movimento Maio Amarelo e do Programa Laço Amarelo. Além disso, Ramalho também entregou a placa de Mantenedor Social ao IBP durante o encontro que reúne cerca de 500 pessoas.

Observadora_Certificada_ministra_palestra_durante_seminario_programa_vida_no_transito
Observadores Certificados

Observadora Certifica ministra palestra durante Seminário do Programa Vida no Trânsito

A Observadora Certificada e representante do Maio Amarelo em Goiás, Elizabeth Gandara, ministrou uma palestra sobre o Movimento Maio Amarelo no dia 15 de maio, durante o Seminário do Programa Vida no Trânsito, realizado no auditório do Paço Municipal do município de Senador Canedo, no estado de Goiás.

Seguranca_viaria_no_brasil_live_ipos_observatorio_imtraff
Live

Segurança Viária no Brasil: duras verdades e reais expectativas

O IPOS – Instituto de Especialização, realizou na última terça-feira (21), o evento on-line Segurança Viária no Brasil: duras verdades e reais expectativas, com a participação dos palestrantes Paulo Guimarães, CEO do OBSERVATÓRIO Nacional de Segurança Viária, e Frederico Rodrigues, diretor da Imtraff Engenharia e Mobilidade. O evento faz parte de uma série de lives promovidas pelo Instituto durante esta semana com foco na segurança viária, em celebração ao mês de ações do Movimento Maio Amarelo.

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Reportar erro!

Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou de uma informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Portal ONSV, em Matérias

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.