Matérias

OBSERVATÓRIO FALA À BBC NEWS BRASIL SOBRE MORTES NO TRÂNSITO NO BRASIL

Escrito por Portal ONSV

05 MAI 2022 - 10H48

Mortes entre ocupantes de automóveis cresceram duas vezes, enquanto entre motociclistas o aumento foi de 18 vezes nos últimos 24 anos

A BBC News Brasil destacou os números de mortes e lesões no trânsito brasileiro e revelou que os motociclistas são os que mais morrem envolvidos em sinistros de trânsito. O diretor-presidente do OBSERVATÓRIO Nacional de Segurança Viária, José Aurelio Ramalho, foi ouvido pela reportagem para analisar esses dados.

De acordo com o Instituto para a Avaliação de Métricas em Saúde da Universidade Washington, nos Estados Unidos, batidas e atropelamentos são a oitava principal causa de morte no país. Se subtrairmos as doenças desse ranking, os sinistros de trânsito figuram em segundo lugar, atrás apenas da violência interpessoal.

Nas últimas duas décadas, o número de vítimas do trânsito no país vem caindo aos poucos: entre 2011 e 2020, essa taxa foi reduzida em 30%. Mas isso não foi suficiente para que o Brasil cumprisse a meta de cortar em 50% esse tipo de fatalidade, como estipulado pela OMS (Organização Mundial da Saúde) e a ONU (Organização das Nações Unidas).

Um levantamento feito pela BBC News Brasil a partir do DataSUS — o banco de dados públicos do Sistema Único de Saúde — revela que existe um perfil de quem mais morreu nas ruas, avenidas e estradas nos últimos anos.  "Essas mortes costumam seguir um padrão claro: em sua maioria são motociclistas, jovens e indivíduos do sexo masculino", analisa José Aurelio Ramalho, diretor-presidente do OBSERVATÓRIO Nacional de Segurança Viária.

De acordo com os dados do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), o Brasil possuía em 2006 um total de 45 milhões de veículos de todos os tipos — destes, 27 milhões (61% do total) eram carros e 9 milhões (20%) eram motocicletas. Em 2020, esses números mais que dobraram. A frota nacional passou a contar com 107 milhões de veículos, com 58 milhões (53%) de carros e 28 milhões (26%) de motos.

"E a grande questão é que, quando você está numa moto e cai ou colide em alta velocidade, o para-choque costuma ser o próprio rosto do condutor", complementa Ramalho.

Leia a matéria completa: https://www.bbc.com/portuguese/brasil-61181312

Foto: Getty Images/BBC News Brasil - divulgação

Faixa_azul_deve_chegar_a_200km_na_cidade_de_sao_paulo_ate_o_final_do_ano
Matérias

Faixa Azul deve chegar a 200 km na cidade de São Paulo até o final do ano

A Faixa Azul é um projeto da prefeitura de São Paulo que cria uma pista exclusiva para motos em avenidas movimentadas da cidade. Iniciada em 2022, teve rápida expansão para se tornar uma bandeira eleitoral e deve chegar a 200 quilômetros no fim do ano. O head de Mobilidade Segura do OBSERVATÓRIO Nacional de Segurança Viária, Pedro Borges, foi um dos especialistas que falou ao Globo na última quarta-feira (19), sobre os resultados apresentados.

Observador_certificado_nomeado_secretario_municipal_mobilidade_urbana_paco_lumiar_ma
Observadores Certificados

Observador Certificado é nomeado secretário Municipal de Mobilidade Urbana do município de Paço do Lumiar/MA

A edição de 03 de junho, do Diário Oficial de Paço Lumiar, no Maranhão, publicou o decreto a nomeação do Observador Certificado Fábio Fernandes Alves para o cargo de secretário municipal de Mobilidade Urbana do município. Essa nomeação auxiliará na implementação e desenvolvimento de ações de segurança viária e mobilidade em Paço Lumiar, Região Metropolitana de São Luís.

Observador_Certificado_ministra_palestra_em_workshop_do_ministerio_publico_minas_gerais
Observadores Certificados

Observador Certificado ministra palestra em workshop realizado pelo Ministério Público do Estado de Minas Gerais

O Ministério Público do Estado de Minas Gerais (MPMG), uma Entidade Laço Amarelo, por meio de sua Diretoria de Gestão de Frota (DGET), realizou no final do mês de maio o Seminário “Transportando Vidas no Maio Amarelo”. O evento que ocorreu no Salão Vermelho do MPMG, em Belo Horizonte, contou com a participação do Observador Certificado e representante do Movimento Maio Amarelo em Minas Gerais, Alexander Magalhães.

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Reportar erro!

Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou de uma informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Portal ONSV, em Matérias

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.