Matérias

OBSERVATÓRIO oferece curso em Festival Moto & Vida, em Campinas

Escrito por Portal ONSV

16 JUL 2015 - 09H48

O Festival vai oferecer ao público uma série de atividades realizadas por diversos órgãos.

O OBSERVATÓRIO vai disponibilizar no local a possibilidade de motociclistas realizarem o Curso de Educação à Distância (EAD) “Motociclista – Atitude Positiva”. Por ser um curso de curta duração, os organizadores vão disponibilizar uma tenda com alguns computadores para que os motociclistas interessados em saber mais em como se proteger no trânsito, possam fazer o treinamento no local. Entre os temas abordados pelo ensino à distância estão os equipamentos obrigatórios, orientações sobre frenagem, reflexões sobre comportamento em situações adversas como em pista molhada; vestuário mais visíveis, principalmente na chuva ou neblina, além de tratar também do transporte de pessoas e cargas, entre outras orientações.

O curso será gratuito para os 500 primeiros inscritos, que poderão mediante à inscrição ter acesso aos conteúdos on-line por 30 dias.

Para garantir esse acesso, o Observatório utilizará instalações da IMA (Informática de Municípios Associados) e Secretaria Municipal de Finanças para inscrever os interessados.

Além do curso, durante o festival, os participantes poderão inspecionar sua motocicleta (Moto Checkup do CETH - Centro Educacional de Trânsito Honda) e receber um laudo do resultado da vistoria. O CETH também montará um simulador de trânsito em uma Unidade Móvel de Treinamento e oferecer test drive de motos. Profissionais qualificados trabalharão situações de pilotagem, como curvas e frenagem.

Educadores da EMDEC abordarão, em especial, os jovens motociclistas, segmento mais vulnerável no trânsito, segundo estatísticas. Serão distribuídos folhetos com normas de segurança (campanha “Cuide-se”! Na moto, o para-choque é você”).

A escolha do Campo Grande para sediar o Festival não foi aleatória, de acordo com a EMDEC. O trecho da Av. John Boyd Dunlop entre as avenidas Professor Mário Scolari e Antônio Carvalho Miranda registrou 55 ocorrências com motos em 2013, totalizando três óbitos. A avenida possui aproximadamente 15 km de extensão. Dos 100 acidentes de trânsito fatais em toda a malha urbana de Campinas naquele ano, 51 (51%) envolveram motos.

Por isso, esse corpo a corpo será reforçado pela ONG Instituto Autotrânsito de Organização no Trânsito (Instran).

As ações educativas buscam ampliar a cultura de segurança e a identificação de riscos, que resultem em comportamentos menos perigosos e danosos. O slogan do festival é “Seja você a mudança no trânsito”.

O Festival Moto e Vida acontece na Praça João Amazonas (Parque Itajaí, Campo Grande), em Campinas.

A Polícia Militar (PM) e Guarda Municipal (GM) prestarão apoio operacional. A GM compõe a Central Integrada de Monitoramento de Campinas (CIMCamp) e participará de apresentação da Secretaria Municipal de Cooperação nos Assuntos de Segurança Pública a respeito desse trabalho. O Corpo de Bombeiros exibirá ferramentas de salvamento e vídeos de ocorrências.

O SAMU (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) deslocará uma ambulância para o local. A Medicar Emergências Médicas levará uma viatura de resgate, com socorrista e enfermeiro.

A Secretaria Municipal de Saúde aproveitará a ocasião para campanhas diversas.

Mais programação

Shows Sistema Negro e DJ Barata

Além de todas essas iniciativas, o Moto & Vida terá espetáculos do Sistema Negro, DJ Barata e artistas locais, das 17h às 19h.

Cadastramento Bilhete Único

A Associação das Empresas de Transporte Urbano de Campinas (Transurc) também marcará presença, realizando cadastro para Bilhete Único Comum, Gratuito e Idoso.

Mais informações

Acompanhe todos os detalhes do Festival Moto & Vida pelo hotsite www.emdec.com.br/hotsites/motoevida. Também estão à disposição os telefones 3772-4024 e 3772-4270, de segunda a sexta-feira, das 9h às 17h.

Observador_certificado_alerta_para_aumento_de_mortes_em_todo_estado_de_sao_paulo (2)
Observadores Certificados

Observador Certificado alerta para aumento de mortes no trânsito em todo o estado de São Paulo

O Observador Certificado André Ferreira falou ontem (25), ao Assis City, portal de notícias do interior de São Paulo, sobre o aumento de mortes no trânsito em todo o estado de São Paulo, sinistros que registram ainda motociclistas como maioria das vítimas.

Artigo_OC_Alvaro_Santos_Proseg_Parana
Artigos

PROSEG PARANÁ - Programa de Segurança Viária das Rodovias Estaduais do Estado do Paraná

O relatório global da Organização Mundial da Saúde (OMS) sobre segurança no trânsito 2023 detalha a escala das mortes no trânsito global e o progresso no avanço de leis, estratégias e ações para reduzi-las em todo o mundo. O relatório mostra que o número de mortes no trânsito caiu ligeiramente para 1,19 milhão por ano, e que os esforços para melhorar a segurança nas estradas estão tendo impacto. No entanto, o preço pago pela mobilidade continua muito alto, e uma ação urgente é necessária se a meta de reduzir pela metade as mortes e ferimentos no trânsito até 2030 for alcançada.

Iluminacao_publica_contribui_para_o_transito_seguro
Matérias

Iluminação pública contribui para o trânsito seguro

Com o intuito de orientar os prefeitos e gestores públicos quanto à perenidade das ações do Minas Led*, assim como as melhores práticas no que diz respeito à iluminação pública, a Cemig - Companhia Energética de Minas Gerais, lançou a Revista Minas Led. Em sua primeira edição, traz a entrevista do CEO do OBSERVATÓRIO Nacional de Segurança Viária, Paulo Guimarães, que fala sobre a contribuição da iluminação pública para o trânsito seguro e mobilidade urbana.

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Reportar erro!

Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou de uma informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Portal ONSV, em Matérias

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.