Observadores Certificados

Ocorrência de trânsito com atropelamento de pedestres cresce 14% em Joinville/SC

Observador Certificado alerta e avalia ações para a redução desse aumento de sinistro registrado em todo o país

Escrito por Portal ONSV

08 ABR 2024 - 10H06 (Atualizada em 15 ABR 2024 - 15H32)

O Balanço Geral Joinville, da NDTV Record Santa Catarina, afiliada à Record, alertou para o aumento significativo de sinistros de trânsito envolvendo pedestres, resultando em um número crescente de internações hospitalares. Essa tendência alarmante requer medidas urgentes para garantir a segurança viária na cidade. O mestre em Administração Pública e Observador Certificado, Júlio Ramos, foi consultado pela reportagem para falar sobre os cuidados que pedestres e condutores devem ter no trânsito.

Conforme apurado pela reportagem, os dados do Ministério da Saúde revelam que em todo o país aumentou o número de pessoas internadas devido aos atropelamentos de trânsito. Ainda conforme levantamento da OMS (Organização Mundial de Saúde), o Brasil é o terceiro país no mundo com o maior número de mortes no trânsito. Ciclistas, motociclistas e pedestres são os mais vulneráveis.

Segundo o Observador Certificado Júlio Ramos é preciso que pedestres e condutores desenvolvam percepção de risco para identificarem as situações mais perigosas no trânsito, mas também é preciso que tenham sempre muita atenção em seus deslocamentos diários.

“Principalmente no uso de smartphones, a gente tem observado que tem sido o principal problema para tirar a atenção no trânsito. Essa questão da atenção é extremamente importante para todos os participantes da via”, alertou.

Com base nos dados do Ministério da Saúde, em 2023 foram mais de 49.345 internações e atendimentos ambulatoriais relacionados a atropelamentos em todo o país. Em 2022, foram cerca de 42.939, aumento de 15%. Em Joinville, foram registrados 278 atropelamentos em 2023 e em 2022, 244, aumento de 14%, conforme dados do Corpo de Bombeiros Voluntários.

O Observador Certificado Júlio Ramos ainda frisou para a necessidade de investir e trabalhar a educação para o trânsito com crianças e adolescentes. “Tem que trabalhar na base, em casa e na escola, ela tem que ter educação para o trânsito, ela tem que ter essa formação no crescimento intelectual na vida”, reforçou.

Assista à reportagem completa:


Cerca_de_62_pessoas_envilvidas_em_sinistros_de_transito_no_rio_de_janeiro_em_2023
Observadores Certificados

Cerca de 62 pessoas envolvidas em sinistros de trânsito por dia no Rio de Janeiro em 2023

O telejornal Bom Dia Alerj da TV Alerj (Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro), de hoje (21), apresentou uma reportagem sobre violência no trânsito nos grandes centros urbanos e destacou uma pesquisa que classifica o estado do Rio de Janeiro entre os três com os motoristas mais rudes do Brasil. O especialista em Gestão e Direito de Trânsito e Observador Certificado, Maicon de Paula, foi consultado e defendeu a Educação para o Trânsito como instrumento para diminuir a violência no trânsito.

Regiao_do_grande_abc_registra_mes_de_maio_mais_letal_desde_2015
Observadores Certificados

Região do Grande ABC registra o mês de maio mais letal no trânsito desde 2015

A edição de ontem (20), do Diário do Grande ABC, em São Paulo, destacou que apesar do mês de maio ser marcado como uma época de conscientização para a segurança no trânsito, a Região do Grande ABC registrou o mais letal no trânsito desde 2015. O Observador Certificado Regis Frigeri foi consultado pela reportagem para falar sobre a eficácia das campanhas anuais de conscientização promovidas pelo Maio Amarelo diante do aumento de sinistros de trânsito.

Faixa_azul_deve_chegar_a_200km_na_cidade_de_sao_paulo_ate_o_final_do_ano
Matérias

Faixa Azul deve chegar a 200 km na cidade de São Paulo até o final do ano

A Faixa Azul é um projeto da prefeitura de São Paulo que cria uma pista exclusiva para motos em avenidas movimentadas da cidade. Iniciada em 2022, teve rápida expansão para se tornar uma bandeira eleitoral e deve chegar a 200 quilômetros no fim do ano. O head de Mobilidade Segura do OBSERVATÓRIO Nacional de Segurança Viária, Pedro Borges, foi um dos especialistas que falou ao Globo na última quarta-feira (19), sobre os resultados apresentados.

Boleto

Reportar erro!

Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou de uma informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Portal ONSV, em Observadores Certificados

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.