Loader
OBSERVATÓRIO COORDENA ESTUDO QUE POSSIBILITA MAIOR EFICIÊNCIA E SEGURANÇA NO TRANSPORTE DA PRODUÇÃO SUCROALCOLEIRA
29289
post-template-default,single,single-post,postid-29289,single-format-standard,bridge-core-2.3.6,ajax_fade,page_not_loaded,,hide_top_bar_on_mobile_header,qode-theme-ver-22.2,qode-theme-bridge,disabled_footer_top,qode_header_in_grid,wpb-js-composer js-comp-ver-6.9.0,vc_responsive,elementor-default,elementor-kit-28047

OBSERVATÓRIO COORDENA ESTUDO QUE POSSIBILITA MAIOR EFICIÊNCIA E SEGURANÇA NO TRANSPORTE DA PRODUÇÃO SUCROALCOLEIRA

OBSERVATÓRIO COORDENA ESTUDO QUE POSSIBILITA MAIOR EFICIÊNCIA E SEGURANÇA NO TRANSPORTE DA PRODUÇÃO SUCROALCOLEIRA

Resolução publicada na última terça-feira (15), autoriza circulação de Super Rodotrem de 91 toneladas

A Senatran (Secretaria Nacional de Trânsito) publicou no Diário Oficial da União, da última terça-feira (15), o reconhecimento de legalidade das CVC (Combinações de Veículos de Carga) com peso bruto total combinado superior a 74 toneladas e inferior ou igual a 91 toneladas destinadas ao transporte de cana-de-açúcar foram alinhadas diretamente com o setor, em estudo coordenado pelo OBSERVATÓRIO Nacional de Segurança Viária, bem como nas discussões das câmaras temáticas do conselho e em consulta pública.

A regulamentação da configuração, estabelecida pela Resolução nº 872 do Contran, se deu por meio da Portaria nº 268 da Senatran, na última segunda-feira (14), a portaria assinada pelo ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas, e pelo secretário da Senatran, Frederico Carneiro, traz as combinações de 91 toneladas destinadas ao setor canavieiro, além dos semirreboques dotados de 4 eixos, que também foi fruto de estudo coordenado pelo OBSERVATÓRIO no ano de 2021, permitindo um transporte de carga com mais eficiência e segurança viária.

O relações institucionais do OBSERVATÓRIO, Francisco Garonce, reforçou a propriedade e o embasamento científico do estudo que possibilitou essa regulamentação.

“Hoje, vemos que as decisões do Conselho Nacional de Trânsito e da Secretaria Nacional de Trânsito são amparadas claramente por dados e por estudos científicos e o Observatório desenvolveu um método de conduzir esses estudos com foco na segurança viária para reduzir mortes e lesões no trânsito”, pontuou Garonce.

Acesse: PORTARIA Nº 268, DE 14 DE MARÇO DE 2022

Fotos: Ricardo Botelho/MInfra

44 Comments

Post A Comment