OBSERVATÓRIO | Motociclistas e ciclistas podem contribuir por um trânsito melhor
4073
post-template-default,single,single-post,postid-4073,single-format-standard,ajax_fade,page_not_loaded,,hide_top_bar_on_mobile_header,qode-theme-ver-10.1.1,wpb-js-composer js-comp-ver-5.0.1,vc_responsive

Motociclistas e ciclistas podem contribuir por um trânsito melhor

Motociclistas e ciclistas podem contribuir por um trânsito melhor

Ouça a reflexão do nosso boletim de rádio que aborda o tema da SNT.

Se todos podemos contribuir para um trânsito mais seguro, nesta semana, o Boletim de Rádio do ONSV (OBSERVATÓRIO Nacional de Segurança Viária), em parceria com a Rádio SulAmérica, aborda como motociclistas e ciclistas podem fazer a sua parte para ampliar a segurança de todos.

Daniela Gurgel, gestora de Comunicação do OBSERVATÓRIO, destaca que motociclistas são as principais vítimas no trânsito, seja no  cômputo de mortes ou sequelados.

“Só na Capital Paulista, ela exemplifica, foram registradas 440 mortes deste segmento no ano passado – o que representa mais de uma morte por dia. E os mortos são, na maioria, pessoas com menos de 30 anos”, registra.

Segundo Daniela, esses números são um grande alerta para os motociclistas que devem ser mais cautelosos e não se arriscar.

Dirigir com cuidado redobrado, concentrado, focado no trajeto e na movimentação do entorno são exigências para os motociclistas, que precisam de muito mais rapidez em suas reações no trânsito, argumenta a jornalista.

Daniela ressalta que o uso dos equipamentos de proteção, a revisão da moto e o respeito a toda a sinalização (inclusive aos semáforos) e, também, aos outros reduzem os riscos.

A jornalista faz um convite ao segmento: “evite manobras arriscadas e reduza a velocidade para não se arrepender. De que adianta lamentar após o acidente, se você pode ser preventivo e não cair num leito hospitalar, morrer ou até se tornar um sequelado permanente.”

Ela afirma que o motociclista precisa desejar um trânsito melhor e não esperar que o outro mude no trânsito.

Em relação aos ciclistas, a dica vai na mesma direção. “O ciclista deve respeitar as leis de trânsito, ser gentil com o pedestre, respeitar a sinalização.”

Confira a íntegra do Boletim: 

Sem comentários

Escreva um comentário