OBSERVATÓRIO | Observatório lança nova enquete. Opine sobre agressividade no trânsito
2911
post-template-default,single,single-post,postid-2911,single-format-standard,ajax_fade,page_not_loaded,,hide_top_bar_on_mobile_header,qode-theme-ver-10.1.1,wpb-js-composer js-comp-ver-5.0.1,vc_responsive

Observatório lança nova enquete. Opine sobre agressividade no trânsito

Observatório lança nova enquete. Opine sobre agressividade no trânsito

Aproveite e confira os resultados sobre a consulta sobre idade mínima para se dirigir no país 

O ONSV (OBSERVATÓRIO Nacional de Segurança Viária) acaba de lançar uma nova enquete para os internautas, em seu site. A consulta dessa quinzena traz a questão: “Em tempos de crise, a pressão psicológica pode influenciar o comportamento no trânsito? Você já brigou no trânsito, colocando-se em risco e, também, os outros?” Os internautas poderão escolher entre três opções: muitas vezes, algumas vezes e nunca.

Essa enquete ficará no ar por 15 dias, coletando a opinião de todos. A questão da agressividade no trânsito chama a atenção das entidades de segurança viária em todo o mundo. As cenas de violência e brigas, que podem chegar em situações extremas como mortes, ou mesmo pequenos estresses com buzinaços, xingamentos, não são raras nas vias.

Há quem aposte que em período de crises, os condutores se tornam ainda mais agressivos em razão das pressões econômicas, do desemprego e dos medos que esse período pode trazer. O que você pensa sobre esse tema? Acesse nosso site, queremos conhecer sua opinião:www.onsv.org.br

88% afirmam que jovem não tem maturidade para dirigir aos 16


Nos últimos 15 dias, o OBSERVATÓRIO ouviu a sociedade sobre o tema envolvendo a idade mínima para se dirigir no Brasil. O assunto foi motivado pela discussão da redução da maioridade penal e pela redação atual do artigo 140 do Código de Trânsito Brasileiro, que colocou em alerta as entidades de segurança no trânsito pelo receio de mudança na idade mínima para a Permissão para Dirigir (PPD).

No levantamento, 88% afirmaram que os jovens de 16 anos não têm maturidade para tirar a sua primeira CNH (Carteira Nacional de Habilitação); 9% defendem que sim, que aos 16 anos o jovem está preparado para assumir esse papel e 3% colocaram que talvez possam estar prontos para isso.

O posicionamento do OBSERVATÓRIO é claro sobre a matéria. A entidade não acredita que o jovem tenha maturidade suficiente para dirigir aos 16 anos, tanto que defendeu o pedido de mudança urgente no CTB (Código de Trânsito Brasileiro) para que os candidatos à Permissão para Dirigir (PPD) continuem tendo 18 anos completos. O Projeto de Lei 2263/2015, de autoria do deputado Hugo Leal, foi protocolado na Câmara dos Deputados, no dia 7 de julho, com esse teor.

O grande receio da entidade é que as ruas teriam ainda mais condutores inexperientes e imaturos, ampliando-se os riscos para a segurança viária do país.

Sem comentários

Escreva um comentário