OBSERVATÓRIO | Programa Detran nas Escolas, desenvolvido no Distrito Federal, utilizará cartilhas do OBSERVATÓRIO Educa
18336
post-template-default,single,single-post,postid-18336,single-format-standard,ajax_fade,page_not_loaded,,hide_top_bar_on_mobile_header,qode-theme-ver-10.1.1,wpb-js-composer js-comp-ver-5.0.1,vc_responsive

Programa Detran nas Escolas, desenvolvido no Distrito Federal, utilizará cartilhas do OBSERVATÓRIO Educa

Programa Detran nas Escolas, desenvolvido no Distrito Federal, utilizará cartilhas do OBSERVATÓRIO Educa

O OBSERVATÓRIO Nacional de Segurança Viária participa, nesta quinta-feira (22), às 9h30, em Brasília – DF, do lançamento das ações a serem desenvolvidas em 2018 para o Programa Detran nas Escolas, que usará conteúdo de Educação para o Trânsito disponibilizado pelo Programa OBSERVATÓRIO Educa. O evento terá a presença do secretário de Estado de Educação, Júlio Gregório Filho, e do diretor-geral do Departamento de Trânsito, Silvain Barbosa Fonseca Filho. José Aurelio Ramalho, diretor-presidente do OBSERVATÓRIO, estará presente.

Durante o evento, será lançado o II Ciclo de Formação em Mobilidade e Trânsito para a capacitação de mil educadores da rede pública de ensino, responsáveis pela educação nas modalidades infantil, fundamental, de jovens e adultos, médio e profissional.

Também serão apresentados os livros didáticos que serão utilizados no ensino fundamental. O OBSERVATÓRIO participa diretamente do Programa Detran nas Escolas através do Programa OBSERVATÓRIO EDUCA, conteúdo que prevê a inclusão da Educação para o Trânsito de acordo com as disciplinas e áreas de conhecimento do Ensino Fundamental. Para o Detran-DF serão disponibilizados conteúdos para as crianças do 1º ao 5º ano.

Ao todo Programa OBSERVATÓRIO EDUCA possui nove livros para o aluno e nove para o professor, além do livro de apresentação e de referencial teórico, contemplando, dessa forma, o Ensino Fundamental I e II.

Será anunciada também a distribuição de kits de jogos educativos sobre trânsito para sessenta escolas de educação infantil – públicas e conveniadas.

A Direduc ainda lançará dois novos projetos de educação de trânsito a serem implantados na rede de ensino do Distrito Federal. O projeto Mobilidade e Trânsito com Arte, que levará aos estudantes orientações sobre as normas de circulação, por meio de peças teatrais e contação de história. Serão abordados temas como travessia segura, mobilidade urbana e segurança de pedestres e ciclistas.

O outro projeto, Trânsito Seguro nas Escolas, será implantado em parceria com as Diretorias de Engenharia e de Policiamento e Fiscalização de Trânsito. O propósito é implementar a sinalização de acordo com o Manual de Sinalização de Áreas Escolares do Denatran e, com isso, minimizar o risco de acidentalidade envolvendo escolares.

O Programa Detran nas Escolas é resultado do empenho conjunto do Detran-DF e da Secretaria de Estado do Distrito Federal, consoante o previsto no Termo de Cooperação nº 01/2015, firmado entre as partes, e integra os programas Viva Brasília nas Escolas e o Programa Criança Candanga.

 

Sobre o OBSERVATÓRIO Educa

O conteúdo do Programa OBSERVATÓRIO EDUCA, desenvolvido pelo OBSERVATÓRIO Nacional de Segurança Viária, contempla o Ensino Fundamental I e II e está disponível para download. Ao todo são nove livros para o aluno e nove para o professor, além do livro de apresentação e de referencial teórico.

O conteúdo prevê a inclusão da Educação para o Trânsito de acordo com as disciplinas e áreas de conhecimento do Ensino Fundamental.  O trabalho de compilação e formatação dos livros do OBSERVATÓRIO EDUCA contou com o apoio do Denatran (Departamento Nacional de Trânsito), que disponibiliza o link para conhecer o conteúdo em seu site: http://www.denatran.gov.br/educacao/109-educacao/publicacoes/633-educacao-para-o-transito-ensino-fundamental e orienta como obter o material.

O EDUCA foi construído durante 3 anos pela equipe de Educação do OBSERVATÓRIO e apresentado ao DENATRAN, que submeteu a análise da Câmara Temática de Educação e Cidadania, e foi aprovado.

“Nosso intuito foi auxiliar no cumprimento do artigo 76 do CTB (Código de Trânsito Brasileiro) de 1998, há 20 anos, que estabelece que “a educação para o trânsito será promovida na pré-escola e nas escolas de 1º, 2º e 3º graus, por meio de planejamento e ações coordenadas entre os órgãos e entidades do Sistema Nacional de Trânsito e de Educação, da União, dos Estados, do Distrito Federal e dos Municípios, nas respectivas áreas de atuação”, esclarece José Aurelio Ramalho, diretor-presidente do OBSERVATÓRIO.

O conteúdo foi alicerçado em legislações e estudos existentes sobre o tema e com o objetivo de contribuir para uma abordagem cada vez mais sistêmica das questões relacionadas à Educação para o Trânsito.

O Programa OBSERVATÓRIO EDUCA, foi aprovado pelo Conselho Nacional de Trânsito – CONTRAN, e visa dar direção e suporte ao conteúdo que será ministrado em sala de aula. As atividades são apresentadas a cada ano de escolaridade, com carga horária adequada, sendo nove temas por ano, abordando, além do trânsito, outros temas transversais como Saúde, Meio Ambiente, Ética e Cidadania.

“O programa contribui para o desenvolvimento pessoal daqueles que dele participarem, oferecendo situações pedagógicas que permitem o aperfeiçoamento da capacidade de agir, pensar e atuar nas situações de trânsito. Também se espera que o programa promova a significação, o pertencimento, a aprendizagem da diversidade e a capacidade de situar-se”, destaca Ramalho.

Sem comentários

Escreva um comentário