OBSERVATÓRIO | Seu carro tem airbag? Não deixe de assistir ao nosso vídeo!
4262
post-template-default,single,single-post,postid-4262,single-format-standard,ajax_fade,page_not_loaded,,hide_top_bar_on_mobile_header,qode-theme-ver-10.1.1,wpb-js-composer js-comp-ver-5.0.1,vc_responsive

Seu carro tem airbag? Não deixe de assistir ao nosso vídeo!

Seu carro tem airbag? Não deixe de assistir ao nosso vídeo!

Desde o início de 2014, mais de 4,5 milhões de veículos fabricados no Brasil passaram a contar com esse dispositivo de segurança. OBSERVATÓRIO traz orientações sobre o tema.

Você já ouviu falar em dispositivos de segurança passiva e ativa no seu veículo, sabe para que servem? Se você está na lista dos que vão responder que não, pode ficar tranquilo, pois são muitos os condutores que jamais pensaram sobre o tema. Mas na verdade, você os conhece, sem ficar muito atento ao conceito, funcionalidade e objetivos.

Os dispositivos de segurança passiva servem para reduzir ou minimizar as consequências de um acidente, já os ativos são para evitar os acidentes. Para exemplificá-los, podemos citar o airbag e o cinto de segurança como dispositivos passivos – ou seja, que contribuem significativamente para a redução da gravidade das lesões; já o freio ABS como ativo, pois pode evitar um acidente.

Além desta abordagem, o (ONSV) OBSERVATÓRIO Nacional de Segurança Viária divulga, em mais um vídeo educativo, informações importantes sobre o uso adequado dos airbags.

Vale destacar que desde 1º de janeiro de 2014, mais de 4,5 milhões de veículos nacionais passaram a circular pelas ruas do país com esse dispositivo, com objetivo de reduzir lesões e salvar vidas em caso de acidentes. Essa frota corresponde aos veículos fabricados e licenciados a partir desta data no país. Os números são da Anfavea (Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores). Nestes veículos, os airbags são obrigatórios no banco dianteiro, por determinação legal.

Dados do Denatran (Departamento Nacional de Trânsito) revelam que o Brasil conta com uma frota total de mais de 86,7 milhões de veículos. São informações referentes ao ano de 2014.

De acordo com o OBSERVATÓRIO, as colisões no trânsito podem ser de intensidade leve, média e alta; e para cada uma das ocorrências, um dispositivo entra em operação nos veículos que contam com esses dispositivos (airbags).

Em batidas leves, por exemplo, o cinto de segurança pode ser o suficiente e decisivo para a proteção de motoristas e passageiros. Em batidas de média intensidade, o pré-tensionador que acompanha o conjunto do airbag também entra em operação; mas em colisões mais graves, todo o conjunto: cinto, pré-tensionador e airbag – é acionado para a proteção dos ocupantes do veículo.

Entretanto, o dispositivo feito para proteger pode trazer riscos – ferir e até causar lesões – se algumas recomendações não forem seguidas,

A proposta deste vídeo é garantir o acesso a essas informações que fazem toda a diferença para a segurança de todos (motoristas e passageiros).

Confira alguns temas abordados no vídeo:

Qual a posição ideal para o motorista que garante maior eficácia no acionamento do airbag?

Saiba quais são as atitudes essenciais para todo passageiro que influenciam na eficiência do equipamento;

O vídeo também explica sobre o pó branco exalado pelo airbag, motivo de preocupação comum entre muitas pessoas;

Por fim, o vídeo explica sobre o acionamento do airbag, e garante mais dicas sobre a utilização.

Assista agora!

Sem comentários

Escreva um comentário