Artigos

Instituto PARAR, seja bem-vindo ao Programa Laço Amarelo

Escrito por Portal ONSV

20 JUL 2018 - 16H29

É com alegria que o OBSERVATÓRIO Nacional de Segurança Viária dá boas-vindas ao Instituto PARAR - Pensando Alternativas Responsáveis Administrando Frotas com Resultado, a mais nova entidade a aderir ao Programa Laço Amarelo. Por essa atitude, o Instituto PARAR recebe o selo Laço Amarelo que, entre outros benefícios, confere o direito de utilização da marca Laço Amarelo em embalagens, camisetas, veículos, mídias sociais, produtos, etc.

O Instituto PARAR foi criado em 2012, em meio à Década de Ação pelo Trânsito Seguro (2011-2020), uma proposta das Organização das Nações Unidas (ONU) para reduzir em 50% o número de fatalidades decorrentes de acidentes de trânsito em todo o mundo, com o propósito de garantir a segurança de cada colaborador que atua diretamente com a frota.

A entidade concentra um dos principais centros de estudos e capacitação para profissionais de frotas leves da América Latina e é referência por sua influência positiva no comprometimento das empresas com a responsabilidade social diante dos números de acidentes de trânsito no Brasil.

Na foto, José Aurelio Ramalho, diretor-presidente do OBSERVATÓRIO, entrega a certificação Laço Amarelo ao Instituto PARAR, durante o lançamento oficial da Welcome Tomorrow 2018, o maior evento de mobilidade do mundo que será realizado no WTC, em São Paulo, nos dias 29, 30 e 31 de outubro.

""

Observadores_certificados_tomam_posse_cetran_mg
Observadores Certificados

Observadores Certificados tomam posse junto ao Conselho Estadual de Trânsito de Minas Gerais

No dia 23 de abril, foi realizada a posse dos novos membros do Conselho Estadual de Trânsito de Minas Gerais (Cetran-MG). Na ocasião foram empossados como conselheiros os Observadores Certificados Alexander Ferreira de Magalhães e Kenedy Santos Pereira. A cerimônia ocorreu no Palácio Tiradentes na Cidade Administrativa em Belo Horizonte, e contou com a presença da Secretária de Estado e Planejamento e Gestão, Luísa Cardoso Barreto, presidente do colegiado, do Chefe da Coordenadoria Estadual de Gestão de Trânsito (CET-MG), antigo Detran-MG, Lucas Vilas Boas Pacheco, conselheiros empossados e integrantes da equipe administrativa do colegiado.

Observatorio_debate_sobre_desafios_perspectivas_seguranca_viaria_encontro_esg
Matérias

OBSERVATÓRIO debate sobre desafios e perspectivas da Segurança Viária em Encontro ESG

Com o objetivo de fomentar práticas mais sustentáveis, responsáveis, éticas e alinhadas aos valores do ESG (Ambiental, Social e Governança) no setor, o Setcesp (Sindicato das Empresas de Transportes de Carga de São Paulo e Região) realizou nos dias 05 e 06 de junho, o Encontro ESG: Desafios e Oportunidades no Transporte de Cargas, durante a Jornada de Sustentabilidade. O CEO do OBSERVATÓRIO Nacional de Segurança Viária, Paulo Guimarães, esteve entre os debatedores do Painel Segurança Viária ou do Trabalho desafios e perspectivas.

tv_globo_bahia_relatorio_maio_prudencia_mulheres_no_transito
Observadores Certificados

TV Globo Bahia utiliza relatório do OBSERVATÓRIO em reportagem que destaca maior prudência de mulheres no trânsito

O telejornal Bahia Meio Dia, da TV Bahia – afiliada à TV Glogo na Bahia, comparou questões relacionadas à imprudência no trânsito entre homens e mulheres em reportagem, com base em um relatório produzido pelo OBSERVATÓRIO Nacional de Segurança Viária que destaca algumas diferenças entre mulheres e homens no trânsito brasileiro. A psicóloga do trânsito e Observadora Certificada, Bianca Cruz, destacou a importância de ações educativas exclusivas, voltadas diretamente para o público masculino.

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0
Saiba mais

Boleto

Reportar erro!

Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou de uma informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Portal ONSV, em Artigos

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.