Matérias

Dia Internacional das Mulheres: avanços e desafios na Segurança Viária

OBSERVATÓRIO reafirma o seu compromisso em incentivar a participação feminina na construção de um trânsito seguro, consciente e inclusivo

Escrito por Portal ONSV

08 MAR 2024 - 09H55 (Atualizada em 21 MAR 2024 - 12H20)

Neste 08 de março, Dia Internacional das Mulheres, o OBSERVATÓRIO Nacional de Segurança Viária te convida para uma reflexão sobre todas as conquistas históricas das mulheres na busca por direitos iguais, e da mesma forma, sobre o papel feminino no trânsito, que nos revela uma tendência crescente dessa participação e a sua significativa contribuição para a segurança viária do Brasil e do mundo.

Dados compilados pelo OBSERVATÓRIO, com base nos dados do Renach (Registro Nacional de Carteira de Habilitação), do Ministério dos Transportes, e da PRF (Polícia Rodoviária Federal) para 2023, mostram um aumento gradual do número de mulheres habilitadas em diversas categorias da CNH (Carteira Nacional de Habilitação) nos últimos anos.

Embora os homens ainda sejam a maioria entre os motoristas, as estatísticas apontam para um aumento significativo de condutoras, especialmente nas categorias A, B, D, AB e AD. Em 2023, nas habilitações da categoria B, por exemplo, as mulheres representam 50% do total de habilitados no país, com 19.923.557 condutoras.

Ainda segundo esses dados, o Brasil registrou um total de 82.613.049 de motoristas habilitados, desses, 29.599.538 são mulheres (36%). Apesar dessa representatividade ainda ser pequena, é um indicativo notável do crescente protagonismo feminino nas vias do país.

Quando se trata de sinistros de trânsito, as estatísticas mostram que as mulheres estão envolvidas em uma parcela significativamente menor em comparação aos homens. De acordo com dados da PRF de 2023, dos 105.757 condutores envolvidos em ocorrências nas rodovias federais, apenas cerca de 12% eram mulheres. Esse número contrasta com os 88% de homens envolvidos em sinistros, evidenciando uma tendência de maior prudência entre as condutoras.

Além disso, ao analisar ocorrências envolvendo mulheres conduzindo transportes de cargas, os dados revelam um padrão de responsabilidade e segurança. Em 2023, foram registradas 145 vítimas de ocorrências com caminhões ou caminhões-trator, com a maioria das condutoras conseguindo sair ilesas (88). Embora houvesse casos de ferimentos leves ou graves (54), o número de vítimas fatais (3) foi consideravelmente baixo.

Outro destaque vai para as condutoras de ônibus rodoviários e urbanos, que demonstram prudência ao volante. Das 28 ocorrências de trânsito com vítimas registradas em 2023, nenhuma resultou em óbito, destacando a importância da cautela e habilidade das motoristas de ônibus. As regiões Sul (15%) e Norte (13%) também concentram a maior quantidade de vítimas de sinistros envolvendo condutoras dessa categoria.

Entre os principais tipos de sinistros de trânsito em que as mulheres se envolveram em 2023, destacam-se: colisão traseira (32); colisão lateral no mesmo sentido (21); tombamento (21); colisão transversal (18); e saída de leito carroçável (13).

Neste Dia Internacional das Mulheres, o OBSERVATÓRIO, com base nos dados apresentados, faz uma singela homenagem em reconhecimento e valorização do papel das mulheres no trânsito. Ao mesmo tempo, reafirma o seu compromisso em incentivar a promoção de políticas e iniciativas que valorizem e apoiem a participação feminina no SNT (Sistema Nacional de Trânsito), para criar um ambiente cada vez mais seguro, consciente e inclusivo no trânsito brasileiro.

Os dados apresentados nessa publicação estão disponíveis no Conjunto de Dados Sobre Mulheres no Trânsito Brasileiro, que o OBSERVATÓRIO passou a oferecer, em: https://www.onsv.org.br/pdi/dados-sobre-mulheres-no-transito-brasileiro

CCRSPVias_reforca_acoes_de_conscientizacao_durante_maio_amarelo
Matérias

CCR SPVias reforça ações de conscientização sobre trânsito seguro neste Maio Amarelo

Como parte da programação da CCR Rodovias neste Maio Amarelo – mês dedicado à conscientização sobre a importância da redução dos sinistros de trânsito, a CCR SPVias, responsável pela administração das principais rodovias do Sudoeste Paulista, realizará ao longo deste mês, diversas ações com o objetivo de sensibilizar os públicos que utilizam as rodovias, como motoristas, motociclistas, pedestres, caminhoneiros, sobre a importância da adoção do comportamento seguro.

Observador_certificado_apresenta_maio_amarelo_na_rede_minas_tv
Observadores Certificados

Observador Certificado apresenta o Maio Amarelo na Rede Minas TV

O programa Brasil das Gerais, da Rede Minas TV – rede de TV pública sediada em Belo Horizonte, Minas Gerais, apresentou aos seus telespectadores a campanha do Movimento Maio Amarelo, que desde 2014 busca conscientizar a população de mais de 30 países sobre as mortes no trânsito. O Observador Certificado Ronaro Ferreira representou o OBSERVATÓRIO Nacional de Segurança Viária na edição da quinta-feira (09), falando sobre o tema e os principais fatores para o aumento dos sinistros de trânsito.

Grande_Sao_Paulo_registra_serie_de_sinistros_de_transito_com_vitimas
Matérias

Grande São Paulo registra série de sinistros de trânsito com vítimas fatais

A CBN São Paulo alertou na última segunda-feira (13), para a série de sinistros de trânsito com vítimas fatais registrados na Grande São Paulo, desde sexta-feira (10). Para explicar sobre como reduzir as mortes e conscientizar as pessoas, a reportagem consultou o head de Mobilidade Segura do OBSERVATÓRIO Nacional de Segurança Viária, Pedro Borges.

Boleto

Reportar erro!

Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou de uma informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Portal ONSV, em Matérias

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.