Matérias

Faixa Azul deve chegar a 200 km na cidade de São Paulo até o final do ano

Reportagem analisou informações de oito vias da cidade e encontrou pouca variação no número de ocorrências de trânsito; especialistas afirmam que resultado do programa ainda é incerto

Escrito por Portal ONSV

20 JUN 2024 - 14H53

A Faixa Azul é um projeto da prefeitura de São Paulo que cria uma pista exclusiva para motos em avenidas movimentadas da cidade. Iniciada em 2022, teve rápida expansão para se tornar uma bandeira eleitoral e deve chegar a 200 quilômetros no fim do ano. O head de Mobilidade Segura do OBSERVATÓRIO Nacional de Segurança Viária, Pedro Borges, foi um dos especialistas que falou ao Globo na última quarta-feira (19), sobre os resultados apresentados.

Segundo levantamento feito do Globo baseado em dados do Infosiga SP (Sistema de Informações Gerenciais de Acidentes de Trânsito do Estado de São Paulo), a nova faixa ainda não diminuiu o número de acidentes em quase nenhuma das oito vias analisadas — a exceção é a avenida Faria Lima.

Até o momento, existem 122 quilômetros da faixa exclusiva, em vias como a Faria Lima, 23 de Maio e Sumaré. Em maio, a prefeitura anunciou um total de quatro mortes de motociclistas em vias com a Faixa Azul desde o início da implementação do programa. O número, no entanto, chega a sete, segundo dados encontrados pela reportagem e depois confirmados ao GLOBO pela gestão Nunes.

Além disso, o número de sinistros envolvendo motocicletas e outros tipos de veículos em seis vias com Faixa Azul segue praticamente estável nos períodos de seis meses a um ano antes e depois da implementação da iniciativa (veja no gráfico). A reportagem analisou apenas as avenidas que completaram ao menos seis meses com a ferramenta e onde a iniciativa está presente em boa parte de ao menos um dos sentidos da avenida. Quando a análise foi feita, em maio, eram 17 vias na cidade com a faixa exclusiva.

“Ainda é muito cedo para dizer se a Faixa Azul teve resultados positivos ou negativos”, disse Pedro Borges, head de Mobilidade Segura do OBSERVATÓRIO. Ele apontou que a iniciativa é uma tentativa importante para a segurança dos motociclistas, mas cobra dados mais transparentes.

“Quando pensamos no diagnóstico de uma intervenção dessa magnitude, precisamos entender também o que acontece em vias que não estão com a Faixa Azul e comparar com as que têm. Não podemos usar ela como uma bala de prata, tudo o que se sabe é muito preliminar”, afirmou Borges.

Leia a matéria completa com os detalhes de cada óbito: https://oglobo.globo.com/brasil/sao-paulo/noticia/2024/06/19/bandeira-de-nunes-e-elogiada-por-boulos-faixa-azul-para-motos-vai-chegar-a-200-km-sem-dados-que-comprovem-eficacia.ghtml

Foto: Edilson Dantas/O Globo/Divulgação.

Brasil_registra_uma_multa_a_cada_12_segundos_pelo_nao_uso_do_cinto_de_seguranca
Observadores Certificados

Brasil registra uma multa a cada 12 segundos pelo não uso do cinto de segurança

O jornal Band Cidade, da TV Bandeirantes Bahia, destacou no último sábado (06), que o Brasil registra uma multa a cada 12 segundos pelo não uso do cinto de segurança. Apesar do item ser obrigatório muitos condutores e passageiros ainda não o utilizam. Os Observadores Certificados Guilherme Nogueira e Urislan Carvalho falaram sobre a eficácia do cinto de segurança, que reduz em até 50% o risco de morte em caso de uma ocorrência de trânsito.

Faixa_Azul_projeto_de_lei_pretende_implementar_sinalizacao_de_seguranca_em_sao_jose_dos_campos
Matérias

Faixa Azul: Projeto de Lei pretende implantar sinalização de segurança para motociclistas em São José dos Campos/SP

A TV Câmara de São José dos Campos, destacou na última quinta-feira (04), a aprovação de um Projeto de Lei que visa implementar a Faixa Azul para motociclistas na cidade, localizada no interior de São Paulo. O head de Mobilidade Segura do OBSERVATÓRIO Nacional de Segurança Viária, Pedro Borges, falou à reportagem sobre a importância dessa iniciativa.

Observadora_Certificada_fala_sobre_educacao_para_o_transito
Observadores Certificados

Observadora Certificada fala sobre Educação para o trânsito e dá dicas de como implementar em sala de aula, na TV Poços/MG

A Pedagoga, Educadora de Trânsito e Observadora Certificada, Stefania Alvise, foi a convidada do programa Conexão, da TV Poços – emissora local da cidade de Poços de Caldas, no Sul de Minas Gerais -, na última quinta-feira (27), para falar sobre a importância da Educação para o trânsito nas escolas e como implementar a didática em sala de aula.

Boleto

Reportar erro!

Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou de uma informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Portal ONSV, em Matérias

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.