Matérias

Observatório antecipa o campeão da Copa América

Escrito por Portal ONSV

15 JUN 2015 - 14H46

Pesquisadores alertam para a diferença dos índices entre os países participantes

O Brasil se mobiliza, mais uma vez para mais uma competição de futebol. A disputa esse ano será pelo título de campeão das Américas e quem sabe, minimizar o vexame da Copa do Mundo de 2014. Jogadores brasileiros que atuam no futebol europeu voltam a vestir a camisa amarela e carregam a esperança dos torcedores brasileiros em mais um título.

O ONSV (OBSERVATÓRIO Nacional de Segurança Viária), uma entidade que atua na área de segurança viária e veicular, preocupada em chamar a atenção de todos para o alto índice de mortes no trânsito, tirou os 12 países participantes da Copa América 2015 do campo e trouxe para as ruas, antecipando o resultado da competição, antes mesmo da maioria das seleções entrarem em campo.

A tabela apresentada mostra os países participantes da Copa América de 2015, que já começou no Chile, ordenados de acordo com a taxa de mortes no trânsito para cada 10 mil veículos – um indicador usual para comparações internacionais de dados de segurança viária. Obviamente, ao contrário do número de gols, quanto menor esta taxa, mais favorável é a situação da segurança viária de um país – neste caso, menos é mais!

O contraste entre os países participantes em termos de segurança viária é evidente, sendo que o primeiro colocado, a Argentina, apresenta uma taxa de 3,60 mortes para cada 10 mil veículos. O último colocado, o Equador, apresenta uma taxa de 39,86 mortes para cada 10 mil veículos – taxa mais de 10 vezes maior que a vizinha Argentina.

O Brasil ocupa uma posição mediana no continente, sendo classificado em sexto lugar, com uma taxa de 6,77 mortes para cada 10 mil veículos – valor superior ao de países como Jamaica, Chile, Uruguai, México e, é claro, da própria Argentina.

As informações foram retiradas do último relatório mundial sobre a situação da segurança viária (Road Safety Global Status Report, 2013), publicado em 2013 pela Organização Mundial da Saúde – OMS. A instituição, com o objetivo de padronizar as informações dos diferentes países, já avaliou a confiabilidade dos dados fornecidos por cada país e, para aqueles que considerou duvidosos, elaborou modelo para correção das informações. A fonte é, portanto, ideal para a realização de comparações internacionais no âmbito da segurança viária.

Segue o link da fonte: http://www.who.int/violence_injury_prevention/road_safety_status/2013/en/

Acompanhe na nossa tabela, como ficaram as disputas na segurança viária jogo a jogo, até a final:

"copa

Brasil_registra_uma_multa_a_cada_12_segundos_pelo_nao_uso_do_cinto_de_seguranca
Observadores Certificados

Brasil registra uma multa a cada 12 segundos pelo não uso do cinto de segurança

O jornal Band Cidade, da TV Bandeirantes Bahia, destacou no último sábado (06), que o Brasil registra uma multa a cada 12 segundos pelo não uso do cinto de segurança. Apesar do item ser obrigatório muitos condutores e passageiros ainda não o utilizam. Os Observadores Certificados Guilherme Nogueira e Urislan Carvalho falaram sobre a eficácia do cinto de segurança, que reduz em até 50% o risco de morte em caso de uma ocorrência de trânsito.

Faixa_Azul_projeto_de_lei_pretende_implementar_sinalizacao_de_seguranca_em_sao_jose_dos_campos
Matérias

Faixa Azul: Projeto de Lei pretende implantar sinalização de segurança para motociclistas em São José dos Campos/SP

A TV Câmara de São José dos Campos, destacou na última quinta-feira (04), a aprovação de um Projeto de Lei que visa implementar a Faixa Azul para motociclistas na cidade, localizada no interior de São Paulo. O head de Mobilidade Segura do OBSERVATÓRIO Nacional de Segurança Viária, Pedro Borges, falou à reportagem sobre a importância dessa iniciativa.

Observadora_Certificada_fala_sobre_educacao_para_o_transito
Observadores Certificados

Observadora Certificada fala sobre Educação para o trânsito e dá dicas de como implementar em sala de aula, na TV Poços/MG

A Pedagoga, Educadora de Trânsito e Observadora Certificada, Stefania Alvise, foi a convidada do programa Conexão, da TV Poços – emissora local da cidade de Poços de Caldas, no Sul de Minas Gerais -, na última quinta-feira (27), para falar sobre a importância da Educação para o trânsito nas escolas e como implementar a didática em sala de aula.

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0

Boleto

Reportar erro!

Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou de uma informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Portal ONSV, em Matérias

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.