Loader
SINISTROS DE TRÂNSITO AUMENTAM NA CAPITAL DE SÃO PAULO
30979
post-template-default,single,single-post,postid-30979,single-format-standard,bridge-core-2.3.6,ajax_fade,page_not_loaded,,hide_top_bar_on_mobile_header,qode-theme-ver-22.2,qode-theme-bridge,disabled_footer_top,qode_header_in_grid,wpb-js-composer js-comp-ver-6.9.0,vc_responsive,elementor-default,elementor-kit-28047

SINISTROS DE TRÂNSITO AUMENTAM NA CAPITAL DE SÃO PAULO

SINISTROS DE TRÂNSITO AUMENTAM NA CAPITAL DE SÃO PAULO

OBSERVATÓRIO destaca principais fatores para esse aumento no Bom Dia SP da TV Globo

A lesão corporal culposa por sinistro de trânsito registra aumento na capital de São Paulo em 2022, conforme dados do Infocrim – Sistema de Informação Criminal da SSP (Secretaria da Segurança Pública), levantados pelo jornal Bom Dia São Paulo da TV Globo, de hoje (27). A reportagem falou com o CEO do OBSERVATÓRIO Nacional de Segurança Viária, Paulo Guimarães, para compreender quais são os principais fatores para esse aumento de imprudência no trânsito.

Em setembro de 2022, na capital, foram registrados 931 casos de lesão corporal culposa por sinistros de trânsito, o que representa um aumento de 8,9%, se comparado com o mesmo período de 2021, quando 855 casos da mesma natureza foram registrados, cerca de 31 ocorrências por dia.

“No ano passado, a exposição aos acidentes era muito menor do que este ano, justamente pelo período de pandemia e da situação de fechamento econômico e bloqueios que tivemos. O fator de exposição não é muito controlável, porque a retomada econômica do país, de uma forma geral, vem acontecendo, e isso aumenta o grau de exposição. Então, nos resta trabalhar com mais propriedade, na questão do fator humano, justamente para alertar as pessoas sobre esse novo momento e, com relação aos comportamentos seguros que devem ser praticados ao usar as vias públicas”, ressaltou o CEO do OBSERVATÓRIO.

Paulo Guimarães ressaltou a necessidade do comportamento seguro no trânsito e deixou uma mensagem aos telespectadores: “Cada um de nós tem a responsabilidade de se comportar de forma segura e cobrar das pessoas que estão ao nosso redor também comportamentos seguros, porque a atitude de cada um faz a diferença, quando olhamos para o coletivo, e todos juntos, salvamos muitas vidas.”

Assista à matéria completa (a partir de 15:45): https://g1.globo.com/sp/sao-paulo/bom-dia-sp/video/carreta-tomba-na-zona-leste-de-sao-paulo-11064362.ghtml

No Comments

Post A Comment