fbpx
Loader
OBSERVATÓRIO PARTICIPA DE AUDIÊNCIA QUE DEBATE CRIAÇÃO DO DIA NACIONAL EM MEMÓRIA DAS VÍTIMAS DE TRÂNSITO
28282
post-template-default,single,single-post,postid-28282,single-format-standard,bridge-core-2.3.6,ajax_fade,page_not_loaded,,hide_top_bar_on_mobile_header,qode-theme-ver-22.2,qode-theme-bridge,disabled_footer_top,qode_header_in_grid,wpb-js-composer js-comp-ver-6.2.0,vc_responsive,elementor-default,elementor-kit-28047

OBSERVATÓRIO PARTICIPA DE AUDIÊNCIA QUE DEBATE CRIAÇÃO DO DIA NACIONAL EM MEMÓRIA DAS VÍTIMAS DE TRÂNSITO

OBSERVATÓRIO PARTICIPA DE AUDIÊNCIA QUE DEBATE CRIAÇÃO DO DIA NACIONAL EM MEMÓRIA DAS VÍTIMAS DE TRÂNSITO

A Comissão de Educação, Cultura e Esporte (CE) promoveu na última terça-feira (5), às 9h30, audiência pública para instruir o Projeto de Lei (PL) 5.189/2019, que institui o Dia Nacional em Memória das Vítimas de Trânsito. O OBSERVATÓRIO Nacional de Segurança Viária esteve presente entre os convidados da audiência, representado pelo diretor de relações institucionais da entidade, Francisco Garonce.

Os sinistros de trânsito causam dezenas de milhares de mortes por ano no Brasil, com um enorme impacto social e na saúde, ressalta o autor, o senador Fabiano Contarato (Rede-ES). Em 2016, cerca de 37 mil pessoas morreram em acidentes, e 600 mil ficaram com sequelas. A data pretende manter viva a memória das vítimas e deixar um alerta para a segurança no trânsito, ao propor 7 de maio como uma homenagem, explica.

Em sua justificativa, o senador destaca que 60% dos leitos hospitalares do SUS (Sistema Único de Saúde) são ocupados por vítimas de acidente de trânsito, bem como 50% dos centros cirúrgicos.

“O impacto social dessa situação também é calamitoso. Além da imensurável dor que os acidentes proporcionam aos membros da sociedade, estimativas apontam que os custos anuais associados a eles superam os R$ 52 bilhões”, afirmou o parlamentar.

O OBSERVATÓRIO, instituição social sem fins lucrativos, dedicada a desenvolver ações que contribuam de maneira efetiva para a diminuição dos elevados índices de acidentes no trânsito do nosso país, com mais de 300 Observadores Certificados presentes em todas as regiões do Brasil, também é favorável ao projeto de lei que institui a data nacional.

“Apoiamos e faremos todo o movimento possível para que tenhamos um dia nacional. Não só teremos isso como um norte, mas vamos fazer dele um momento de reafirmar forças para que possamos construir um trânsito em que sejamos capazes de construir vidas. E construir um trânsito seguro não é tarefa do Estado, das autoridades, somente de um grupo, é uma responsabilidade de todos nós”, frisou Garonce.

No dia 24 de setembro, o Senado promoveu sessão especial para homenagear as vítimas do trânsito. Com participação de especialistas e familiares de vítimas de sinistros de trânsito, a sessão, proposta por Contarato, evidenciou a necessidade de ações do poder público e da sociedade para reduzir as mortes em acidentes no Brasil. O evento marcou a Semana Nacional do Trânsito, celebrada de 18 a 25 de setembro.

Fonte: Agência Senado

Assista à audiência:

No Comments

Post A Comment