fbpx
Loader
Percepção de risco: salva-vidas do trânsito
26038
post-template-default,single,single-post,postid-26038,single-format-standard,bridge-core-2.3.6,ajax_fade,page_not_loaded,,hide_top_bar_on_mobile_header,qode-theme-ver-22.2,qode-theme-bridge,disabled_footer_top,qode_header_in_grid,wpb-js-composer js-comp-ver-6.2.0,vc_responsive,elementor-default,elementor-kit-28047

Percepção de risco: salva-vidas do trânsito

Percepção de risco: salva-vidas do trânsito

Todos nós gostamos de ir à praia que são protegidas pelos salva-vidas, não é mesmo? Também gostamos que as ruas e os condomínios tenham câmeras de vigilância, afinal, assim nos sentimos mais seguros. E sabemos que, tudo o que acontecer conosco num shopping ou num banco, será facilmente resolvido, devido ao monitoramento pelas câmeras de segurança.

Agora, você já parou para pensar no trabalho dos Agentes de Trânsito? Pois é, um Agente ou um Policial têm papel fundamental para que o trânsito esteja ordenado e seguro. Afinal, todas as vezes que nos deparamos com um profissional desses, imediatamente passamos a agir de forma mais respeitosa e cautelosa.

Já pensaram numa cidade onde, em cada esquina houvesse um Agente de Trânsito? Certamente o número de acidentes seria infinitamente menor, pois ninguém desrespeita as regras, na frente de um agente fiscalizador. O mesmo acontece quando você, condutor, sabe que logo à frente tem um radar de velocidade. Seu comportamento muda; a velocidade reduz, mas, logo que você passa pelo radar, o limite máximo de velocidade da via, deixa de ser respeitado novamente. Infelizmente.

Ser um Agente de Trânsito, um policial militar ou mesmo um policial rodoviário requer treinamento e estudo. O cidadão para ocupar esses cargos passa por uma capacitação rigorosa para conhecer todas as regras do trânsito e aprende também como deve agir em cada situação.

Porém, nem sempre eles têm esse reconhecimento da sociedade. Na maioria das situações onde eles precisam punir quem cometeu alguma infração, eles são tratados com desprezo e desacato.

A intenção do Programa Laço Amarelo é trazer uma reflexão sobre o papel das autoridades de trânsito, seja na rua, seja na rodovia, para que, ao invés de desprezar, você passe a agradecer a presença desses policiais por onde você passar.

Tenha a certeza de que, naquele local onde há a presença do Agente de Trânsito ou do policial, dificilmente acontecerá um sinistro de trânsito. Eles nos protegem; eles tornam a rua um espaço mais seguro para transitarmos. Respeite o Agente. Respeite o policial. Perceba o risco. Proteja a vida. Programa Laço Amarelo.

No Comments

Post A Comment