Artigos

Cuidados nas férias escolares

Escrito por Portal ONSV

02 DEZ 2019 - 09H00

Dezembro chegou e com isso muita gente está se preparando para sair de férias, seja do trabalho ou mesmo da escola. O Programa Laço Amarelo separou alguns itens para que você vá e volte em segurança da sua diversão.

Para viajar de férias, lembre-se de visitar o mecânico antes de pegar a estrada. Durante todo o ano, usamos o carro para tudo e por isso agora, é fundamental que você separe um tempo para revisar todos os componentes para um bom funcionamento do veículo: pneus, freios, óleo, embreagem, água, limpador de para-brisas, faróis ou seja, tudo deve estar funcionando adequadamente para que você não fique na estrada e atrapalhe o passeio.

Com o carro em ordem e tudo revisado, é importante lembrar que as crianças precisam do equipamento de proteção adequado para transitar. Vamos lembrar quais são: os bebês até um ano devem viajar no bebê conforto. Ele é instalado no banco de trás dos veículos, de costas para os bancos da frente, tudo isso para proteger, principalmente a cabeça da criança. Depois de fazer um ano ou quando a criança já está empurrando o encosto do banco de trás com os pezinhos, já está na hora de ir para a cadeirinha. Até os quatro anos, é a cadeirinha o lugar mais seguro para as crianças dentro do carro. A partir dos quatro anos até aproximadamente sete anos e meio, é no assento de elevação que esse passageiro deve viajar de forma segura. Só depois de colocar os dois pés inteiros no chão do carro, é que a criança pode usar só o cinto de segurança para transitar num veículo.

Lembrando que, na moto, as crianças só devem andar depois dos 10 anos de idade e apoiando os pés nas pedaleiras. Antes disso, a moto não deve transportar crianças.

Depois de todos os passageiros de cinto, é importante escolher o trajeto, olhar as condições do tempo e pegar a estrada, respeitando toda a sinalização do trânsito.

Chegando ao destino ou mesmo quem fica em casa, é importante orientar as crianças onde brincar. Afinal, quase todos têm bicicleta, skate ou mesmo o patinete. Transitar com esses veículos em qualquer rua ou calçada é perigoso. Importante escolher uma praça ou mesmo um parque para que a brincadeira não vire dor de cabeça.

Lembrar também de usar os equipamentos de proteção adequados a cada veículo, mesmo não sendo obrigatório, é importante para a proteção de quem transita.

Com todos esses cuidados, tenho certeza que suas férias serão inesquecíveis, com muitas histórias para contar! Um ótimo final de ano e que venha um 2020 repleto de bons caminhos! Até lá!

Programa_Educa_apresenta_novidades_em_2024_e_acoes_para_Maio_Amarelo_durante_reuniao_nacional
Matérias

Programa Educa apresenta novidades em 2024 e ações para o Maio Amarelo durante reunião nacional

Foi realizada na última quinta-feira (11), a reunião do programa Educa com 18 municípios integrantes do programa de Educação para o Trânsito nas escolas. Durante a abertura, o CEO do OBSERVATÓRIO Nacional de Segurança Viária, Paulo Guimarães, comentou sobre o encerramento do projeto-piloto Educa e o início de uma nova fase, com a transição digital do programa e a disponibilização dos conteúdos aos municípios.

Atraso_licitacao_transporte_publico_recife_pe
Observadores Certificados

Atraso na licitação do transporte público do Recife/PE gera transtorno aos usuários

A Rádio Jornal Pernambuco informou que os usuários do transporte público da região metropolitana do Recife, em Pernambuco, terão que esperar mais para que a licitação das linhas de ônibus seja concluída. A previsão do governo pernambucano é que esse processo seja finalizado somente em 2026. Na última sexta-feira (12), o mestre em Inovação e Desenvolvimento para o Trânsito e Observador Certificado, Emanoel Silva, falou à Rádio Jornal sobre a importância dessa licitação e o impacto da qualidade do transporte público na vida das pessoas.

Carta_aberta_pela_participacao_democratica_nas_politicas_de_mobilidade_do_distrito_federal
Observadores Certificados

Carta aberta pela participação democrática nas Políticas de Mobilidade no Distrito Federal

Integrantes da Rede Urbanidade participaram, na última terça-feira (09), da cerimônia de lançamento dos trabalhos de revisão do PDTU (Plano Diretor de Transporte Urbano) do Distrito Federal. Durante o evento, distribuíram a carta aberta enviada ao governador Ibaneis Rocha, assinada por dez entidades, com sugestões para a participação democrática nas políticas de mobilidade do DF. A cerimônia foi realizada no Salão Nobre do Palácio do Buriti.

Seja o primeiro a comentar

Os comentários e avaliações são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do site.

0
Saiba mais

Boleto

Reportar erro!

Comunique-nos sobre qualquer erro de digitação, língua portuguesa, ou de uma informação equivocada que você possa ter encontrado nesta página:

Por Portal ONSV, em Artigos

Obs.: Link e título da página são enviados automaticamente.