Loader
MAIO AMARELO – UMA ABORDAGEM NAS UNIVERSIDADES
30470
post-template-default,single,single-post,postid-30470,single-format-standard,bridge-core-2.3.6,ajax_fade,page_not_loaded,,hide_top_bar_on_mobile_header,qode-theme-ver-22.2,qode-theme-bridge,disabled_footer_top,qode_header_in_grid,wpb-js-composer js-comp-ver-6.9.0,vc_responsive,elementor-default,elementor-kit-28047

MAIO AMARELO – UMA ABORDAGEM NAS UNIVERSIDADES

MAIO AMARELO – UMA ABORDAGEM NAS UNIVERSIDADES

*Rodrigo Aguiar dos Santos

Universidade Tiradentes (UNIT-PE)

Departamento de Estradas de Rodagem de Pernambuco (DER-PE)

Introdução

O alto índice de mortes no mundo vem levando países a elaborarem medidas para diminuir este número. No Brasil não é diferente. Foi criado pelo OBSERVATÓRIO Nacional de Segurança Viária, o Maio Amarelo visando reduzir em 50% este número. O tema deste ano, “Juntos salvamos vidas” foi apresentado em uma universidade na cidade do Recife. A importância do tema foi tão relevante que o resultado foi de total interação entre os alunos de diversos cursos e o professor palestrante, atual Observador Certificado.

Abstract

The high rate of deaths in the world has led countries to develop measures to reduce this number. In Brazil it is no different. The Yellow May was created by the National Road Safety Observatory to reduce this number by 50%. This year’s theme, “Together we save lives” was presented at a university in the city of Recife. The importance of the topic was so relevant that the result was total interaction between students from different courses and the lecturer, currently a certified observer.

1.0 Introdução

O Brasil vem fazendo sua parte na busca por soluções para diminuição do alto índice de sinistros e mortes que ocorrem anualmente em todo o mundo. A meta estabelecida pela OMS (Organização Mundial de Saúde) é de reduzir em 50% essas mortes. Com isso, foi criado no país, o movimento Maio Amarelo pelo OBSERVATÓRIO Nacional de Segurança Viária.   O mês de maio ganha uma cor – o amarelo – e o forte propósito de chamar a atenção para a tão necessária segurança no trânsito. A campanha deste ano tem o tema: “Juntos Salvamos Vidas”, que destaca exatamente a necessidade da ação coletiva para que os propósitos sejam alcançados. Com esse objetivo é colocado em pauta o tema segurança viária mobilizando toda a sociedade, envolvendo: órgãos de governos, empresas, entidades de classe, associações, federações e sociedade civil para discutir o tema, realizar ações e divulgar os resultados.

As universidades são locais importantes para divulgação da campanha, já que o tema é de interesse para todos os cursos. Com isso, para o mês de maio, foi realizada uma palestra na Universidade Tiradentes (UNIT) na cidade do Recife por um professor da instituição e observador certificado. A cidade virou parceira do OBSERVATÓRIO e, com isso, ganhou o certificado “Laço Amarelo”, que simboliza o comprometimento com políticas públicas para reduzir mortes e lesões no trânsito.

2.0 Palestra

A palestra Maio Amarelo contou com estudantes de diversos cursos. A importância foi lembrar as pessoas sobre um trânsito seguro já que os acidentes continuam a ser comuns. Temas importantes ganharam a atenção na intenção de começar a evitá-los como: atenção; segurança no trânsito; sinistros; dicas para dirigir a noite; respeito; responsabilidade; conscientização; importância de cintos de segurança; direção defensiva; limite de velocidade.

O tema também é importante para quem não dirige. Os sinistros por descuido dos pedestres ao não olharem antes de atravessar a rua elevam o índice de gravidade das lesões. Então, é útil que seja lembrado de como se prevenir contra os carros, motos e ônibus. Foi falado sobre a importância das faixas para atravessar e que os veículos devem respeitá-las também. Mas, outro tema que não deve ser ignorado é sobre o uso do cinto de segurança, mesmo no banco de trás. Assim, os riscos reduzem e todos ficam seguros.

Abordar a direção defensiva de acordo com o manual do Denatran (Departamento Nacional de Trânsito) também é uma das principais maneiras de se comportar no trânsito. A possibilidade de um condutor reconhecer antecipadamente as situações de perigo, prever suas consequências e estar preparado para tomar decisões que protejam os ocupantes dos veículos e os demais usuários da via fazem parte dos conceitos de direção defensiva. É de extrema importância citar as autoescolas na teoria e na técnica para os alunos se familiarizem com o volante, dando confiança para que aprendam a dirigir da forma certa, prudente, prezando pela segurança e direção defensiva. Aprender a dirigir em uma autoescola é a forma inteligente e correta para que o futuro motorista adquira hábitos positivos de direção, como colocar o cinto de segurança, ajustar os retrovisores antes de dar a partida e puxar o freio de mão em rampas, por exemplo. Todos esses hábitos, imprescindíveis de um bom motorista, evitam acidentes e colaboram para termos um trânsito mais calmo, respeitoso e seguro.

São hábitos automatizados que, com o passar do tempo, tornam-se difíceis de serem corrigidos depois de incorporados pelo condutor, como não posicionar as duas mãos no guidão ou volante, não ligar a seta antes de dobrar à esquerda ou à direita ou até não saber a importância de não manusear o celular quando estiver ao volante, quesito básico de educação e segurança que é considerado um dos problemas que mais geram acidentes nas vias hoje em dia.

3.0 Conclusão

O resultado da palestra foi positivo. Os alunos se mostraram interessados e participaram interagindo com o professor. A discussão e debate sobre o assunto é de total relevância no aprendizado do condutor. Incentivos educacionais desde a formação do aluno na escola, continuando nas formações e aprendizados na autoescola, devem ser tratados também em universidades. A expectativa é que com o crescimento do movimento, mais ações como essas sejam implantadas nas universidades com intuito de conscientizar também os futuros profissionais em todas as áreas.

Rodrigo Aguiar dos Santos – Observador Certificado;

Engenheiro do Departamento de Estradas de Rodagem de Pernambuco;

Professor da Universidade Tiradentes – UNIT PE;

Doutorando em Transportes na Universidade de Coimbra – Portugal;

Mestre em Engenharia Civil;

Especialista em Infraestrutura de Transportes e Rodovias;

Consultor em projetos de Segurança e Sinalização Viária.

 

 

 

13 Comments
  • Benedito Nóbrega do Canto
    Posted at 10:22h, 17 setembro Responder

    Parabéns pelo artigo! Fantástico!

  • Vinicius Rolim
    Posted at 10:25h, 17 setembro Responder

    Cada vez mais importante. A infra é, além de sinônimo de desenvolvimento econômico, é campo de segurança e qualidade de vida.

  • Rodrigo
    Posted at 11:06h, 17 setembro Responder

    Importantíssimo, Um trabalho na conscientização de hoje para um trânsito mais seguro amanhã. Trânsito este que mata mais que várias doenças e merece há tempos um olhar diferenciado das autoridades de todas as esferas. Parabéns pelo artigo e pela iniciativa!

  • João Vicente
    Posted at 12:02h, 17 setembro Responder

    Meus parabéns Dr. Rodrigo, seria muito bom aplicar essas técnicas de segurança em nossa malha rodoviária!!!

  • Isaac Candido.
    Posted at 12:04h, 17 setembro Responder

    Esses assuntos abordados no artigo, são de fundamental importância para todos nós. Parabéns !

  • ROBERTA MENESES
    Posted at 13:14h, 17 setembro Responder

    Seu artigo é espetacular. Tenho acompanho o seu trabalho em vários órgãos e principalmente nas universidades.
    Parabénsz

  • João
    Posted at 16:49h, 17 setembro Responder

    Excelente abordagem do tema pela relevância nos dias atuais, considerando o aumento exponencial do tráfego nas cidades e rodovias.. Quanto mais cedo for implementada a educação nas escolas, já a partir dos primeiros anos, os benefícios para a sociedade serão consideráveis, com a diminuição dos acidentes.

  • Rebeca Medeiros
    Posted at 16:53h, 17 setembro Responder

    Importante tema a ser discutido e incentivar a medidas de segurança no trânsito. Parabéns pelo artigo!

  • ANTONIO ANDRADA
    Posted at 17:03h, 17 setembro Responder

    Segurança nunca é demais em nenhuma área, notadamente sobre trafego, transporte e mobilidade. O conhecimento e difusão deve ter o máximo de divulgação possível.

  • Carrin
    Posted at 09:53h, 18 setembro Responder

    Very good. Saving lives is the main focus of traffic education. Congratulations to Dr Rodrigo Aguiar for the excellent article.

  • Marreco
    Posted at 10:23h, 18 setembro Responder

    Mai frend fofa, veri gud uó tê artigo. Congratulêxions.
    Marreco

  • Adelino Ferreira
    Posted at 19:57h, 18 setembro Responder

    Atualmente, a Segurança Rodoviária é um dos temas mais importantes na área dos Transportes.
    Parabéns por mais uma interessante iniciativa.

  • Fabiano Pereira
    Posted at 21:45h, 20 setembro Responder

    Parabéns Rodrigo, ótimo iniciativa pelo tema de suma importância que merece os cuidados e atenção de toda a sociedade.

Post A Comment